Meteorologia

  • 06 OUTUBRO 2022
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 30º

Escassez de alimentos pode causar "mais mortes" do que a própria guerra

Ucrânia tem sido impedida de exportar cereais e outros alimentos. Governante britânico diz que crise gerada pela escassez de alimento pode roubar mais vidas do que aquelas que se têm perdido diretamente na guerra.

Escassez de alimentos pode causar "mais mortes" do que a própria guerra

Grant Shapp, secretário de Estado dos Transportes do Reino Unido, considerou que a escassez de alimentos causada pela invasão à Ucrânia pode causar mais mortes do que a própria guerra. 

“Estou especificamente preocupado com a situação na Ucrânia”, começou por dizer o governante britânico, em declarações à Sky News, depois de explicar que conversou com o ministro das Infraestruturas da Ucrânia, Oleksandr Kubrakov, sobre uma forma de garantir que os cereais pudessem deixar o país.

“O que realmente me preocupa é que vemos muitas vidas perdidas na Ucrânia e podemos ver ainda mais vidas perdidas noutros lugares do mundo por causa da escassez de cereais e alimentos que podem ser ainda maiores do que as vidas perdidas diretamente na guerra”, considerou.

O governante disse que é “absolutamente essencial” conseguir uma forma segura de a Ucrânia exportar cereais e outros bens. 

"Acho que é absolutamente essencial que o façamos, caso contrário pode haver muita fome”, notou.

Questionado sobre o papel do Reino Unido nesta situação, Shapp sugeriu o envio de navios militares ao porto de Odessa para escoltar os navios que transportam mercadoria para fora da Ucrânia.

“Não posso entrar em detalhes específicos, há muitas complexidades nisso, incluindo águas minadas perto do porto de Odesa”, disse, destacando que a Ucrânia pode mesmo ser a “cesta de pão do mundo”.

Recorde-se que recentemente foram divulgadas imagens de satélite, pela CNN, que mostram navios russos no porto de Sebastomol, na Crimeia, alegadamente a transportar cereais roubados – sustentando assim as acusações das autoridades ucranianas, que dizem que a Rússia está a roubar os cereais do país. Ao mesmo tempo, a Rússia continua a bloquear os portos ucranianos e a impedir a exportação de produtos por via marítima.

Leia Também: Rússia sugere que comboios com armas regressem à Polónia com cereais

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório