Meteorologia

  • 27 JUNHO 2022
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 23º

Talibãs do Paquistão reivindicam múltiplos ataques contra a polícia

O grupo extremista islâmico talibã paquistanês Tehreek-e-Taliban Pakistan (TTP) reivindicou hoje múltiplos ataques lançados desde segunda-feira contra a polícia em Islamabad e noutras cidades do noroeste do país, em que pelo menos três agentes foram mortos.

Talibãs do Paquistão reivindicam múltiplos ataques contra a polícia
Notícias ao Minuto

14:33 - 18/01/22 por Lusa

Mundo Talibãs

Segundo as autoridades policiais paquistanesas, três dos atacantes foram também mortos.

Na rede social Twitter, o porta-voz do Tehrik-e-Taliban Pakistan, Mohammad Khurasani, reivindicou a responsabilidade por um ataque na capital paquistanesa e outros dois ataques noutros locais do noroeste do país. 

O porta-voz indicou que um dos "combatentes" morreu num ataque no distrito de Bajur, onde, até agora, não há informação oficial sobre o incidente.

Segundo as autoridades, os ataques começaram na noite de segunda-feira quando dois homens, numa motocicleta, dispararam contra um posto de controlo policial em Islamabad, um incidente raro nos últimos anos na capital paquistanesa, uma das cidades mais seguras do país.

"Um polícia foi morto e dois ficaram feridos", anunciou a polícia, em comunicado, acrescentando que os autores dos disparos tinham sido mortos e classificando o caso como um "ato de terrorismo".

Segundo a polícia, nos distritos de Dir e do Vaziristão do Norte, na província de Khyber Pakhtunkhwa, perto da fronteira com o Afeganistão, dois agentes da polícia também foram mortos em ataques separados.

Hoje, o ministro do Interior do Paquistão, Sheikh Rashid Ahmed, participou no funeral do polícia morto em Islamabad e afirmou que os dois militantes do grupo islâmico mortos envolvidos no ataque foram identificados.

O grupo talibã paquistanês, que se fortaleceu desde que os talibãs afegãos recuperaram o poder no Afeganistão, advertiu que deverá lançar mais ataques contras as forças de segurança.

Leia Também: Talibãs expulsam das fileiras três mil membros sob acusação de abusos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório