Meteorologia

  • 01 FEVEREIRO 2023
Tempo
12º
MIN 5º MÁX 14º

AO MINUTO: Macron e Harris unidos contra pandemia; Alemanha com alerta

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

AO MINUTO: Macron e Harris unidos contra pandemia; Alemanha com alerta
Notícias ao Minuto

07:52 - 11/11/21 por Notícias ao Minuto

Mundo Covid-19

Mantém-se em 86% a percentagem de população portuguesa com a vacinação completa contra a Covid-19, numa semana em que a região de Lisboa e Vale do Tejo (LVT) foi a que mais doses inoculou, segundo os dados avançados esta quarta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS) no Relatório de Vacinação. A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, afirmou esta quarta-feira que, apesar do aumento de infeções com o novo coronavírus nos últimos dias, o seu impacto tem sido moderado e Portugal está numa "situação confortável" no que diz respeito ao risco de doença grave.

Saliente-se ainda que a farmacêutica norte-americana Pfizer iniciou no Brasil estudos clínicos do Paxlovid, um fármaco experimental em formato de pílula destinado ao tratamento contra a Covid-19. O aumento de casos Covid em toda a Europa já faz com que alguns países comecem a ponderar voltar a impor algumas restrições. O governo dos Países Baixos, por exemplo, está a estudar o reforço ou a introdução de novas restrições, como a redução do horário na restauração, para conter o aumento de infeções de Covid-19, que já ultrapassaram os 12 mil casos diários. 

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19: 

00h00 -  Boa noite! Este registo de acompanhamento da pandemia termina por aqui, mas será retomado na manhã de sexta-feira. Já sabe, em caso de sintomas, mantenha-se isolado e contacte a Linha de Saúde 24 (808 24 24 24) e siga as recomendações. 

23h36 - Brasil regista mais 15.300 infeções por Covid-19 e 188 óbitos

O Brasil reportou, nas últimas 24 horas, mais 15.300 infeções e 188 óbitos relacionados com a Covid-19. Os dados foram revelados esta quinta-feira pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS). No total, desde o início da pandemia, o país somou 21.924.598 contágios e 610.224 vítimas mortais. De recordar que, ontem, as autoridades sanitárias brasileiras tinham verificado mais 15.298 casos de Covid-19 e 264 mortes com o país a ultrapassar as 610 mil mortes causadas pelo vírus.

21h43 - Argentina começa a doar vacinas e Moçambique é 1.º beneficiado
 
A Argentina anunciou hoje que, guiada pelos princípios de "solidariedade e fraternidade", está pronta para doar a Moçambique 450 mil doses da vacina AstraZeneca contra a covid-19, produzidas no país, e que prepara uma doação a Angola. "No contexto da estratégia de reciprocidade internacional e de solidariedade orientada ao acesso equitativo das vacinas, a Argentina enviará vacinas a outros países em conceito de doação e as primeiras doses a serem enviadas serão 450 mil de AstraZeneca à República de Moçambique", informou o Ministério da Saúde da Argentina, através de uma nota. 

21h27 - Madeira com mais 51 casos e 355 situações ativas
 
As autoridades de saúde da Madeira sinalizaram mais 51 casos de covid-19 nas últimas 24 horas na região, registando 355 situações ativas e 14 pessoas hospitalizadas, informou hoje a Direção Regional de Saúde (DRS). No boletim epidemiológico, a DRS aponta que a Madeira contabiliza um total de 12.552 casos confirmados de infeção por SARS-CoV-2 desde o início da pandemia.

21h09 - Macron e Harris unidos em defesa do multilateralismo contra a pandemia
 
O Presidente francês, Emmanuel Macron, e a vice-presidente norte-americana, Kamala Harris, emitiram hoje um apelo conjunto em defesa do poder do multilateralismo contra a pandemia de covid-19, conscientes de que nenhum país conseguirá superar o problema sozinho. O Fórum de Paris para a Paz foi o palco deste apelo que deixou claro que a crise de saúde exacerbou desigualdades existentes e ameaçou avanços obtidos em matéria de igualdade de género.  

20h14 - Espanha notifica mais 4.286 casos de Covid-19 e 30 mortes nas últimas 24h

As autoridades de saúde espanholas reportaram, esta quinta-feira, 4.286 novas infeções de Covid-19 e 30 mortes devido à doença. Desta forma, a incidência acumulada no país sobe 4,4 pontos para 67,07 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias. Desde o início da pandemia, Espanha já confirmou 5.042.803 casos de infeção por SARS-CoV-2 e tem a lamentar 87.647 mortes.

19h44 - Alemanha com alerta de que o número de mortos por Covid-19 pode duplicar

Com um terço da população não vacinada e milhões que continuam a insistir em não ser vacinados, a Alemanha foi duramente atingida por um aumento recorde de infeções por Covid-19. A subida de casos encheu hospitais e despertou a previsão de que a taxa de mortalidade poderá duplicar. “Estamos pior do que estávamos há um ano... e agora estamos a enfrentar uma situação de emergência real”, disse Christian Drosten, um dos principais virologistas da Alemanha, no seu podcast diário. Segundo as suas previsões, a Alemanha poderá chegar a ter pelo menos mais 100 mil mortes relacionadas com a Covid-19 se o país não aplicar medidas de restrição e melhorar as baixas taxas de vacinação.

19h10 - Covaxin revela 77,8% de eficácia contra infeção sintomática
 
"Não foram observados efeitos adversos graves relacionados com a vacina e a maioria dos efeitos adversos foram ligeiros, incluíram cefaleia, fadiga e dor no local da injeção" e ocorreram dentro do período de sete dias após a vacinação, referem os autores dos ensaios clínicos da fase 3 da vacina. Os ensaios clínicos de fase 3 da vacina contra a covid-19 Covaxin (BBV152), desenvolvida na Índia, mostraram uma taxa de eficácia de 77,8% contra a infeção sintomática, segundo a investigação publicada na revista The Lancet.

18h57 - França regista 17 mortes por Covid-19 e 12.603 casos nas últimas 24h

França relatou, nas últimas 24 horas, mais 17 mortes e 12.603 novos casos da Covid-19. Os dados foram revelados esta quinta-feira pelas autoridades de saúde, que continuam a notar uma subida no número de internamentos. No total, desde o início da pandemia, o país já contabilizou 7.256.643 infeções pelo novo coronavírus e 118.073 vítimas mortais. 

18h37 - Itália regista mais de 8 mil novos casos e 67 mortes nas últimas 24h

Itália registou, esta quinta-feira, mais 8.569 casos de Covid-19 (ontem foram 7.891) e 67 mortes (ontem, havia 60) associadas à doença, elevando para 4.835.307 o total de contágios e para 132.618 as vítimas da pandemia no país. Segundo os dados divulgados hoje pelas autoridades italianas, o número de recuperados são um total de 4.595.897  (mais 4.569 hoje). O número de casos ativos passaram já os 100 mil esta semana (106.920), mais 4.061 em relação a ontem.

18h26 - Morgues e hospitais lutam com número de mortes por Covid-19 na Roménia

A morgue do principal hospital da Roménia não tem mais espaço para os mortos. Numa imagem clara daquele que tem sido o custo humano da pandemia de Covid-19, que tem atravessado a nação, há corpos de vítimas embrulhados em sacos plásticos pretos a alinhar-se no corredor do hospital da capital, Bucareste. Centenas de pessoas morreram todos os dias, na Roménia, nos últimos dois meses. O país está entre os mais atingidos pelo vírus que assola os países da Europa Central e de Leste, onde muito menos pessoas foram vacinadas do que na Ocidental. Com 19 milhões de habitantes, a Roménia tem atualmente uma das maiores taxas de mortalidade da Europa.

18h23 - Reino Unido reporta 195 mortes e mais de 42 mil novos casos

O Reino Unido reportou, esta quinta-feira, mais 195 mortes e 42.408 novos casos relacionados com a Covid-19, de acordo com os dados do governo referentes às últimas 24 horas. No total, desde o início da pandemia, o país somou 142.533 mortes e 9.448.402 casos referentes ao novo coronavírus. 

18h15 - Surto com 23 infetados num lar em Moura
 
Um surto com 17 utentes e seis funcionários infetados com covid-19 foi detetado no lar residencial de uma associação de apoio a deficientes do concelho alentejano de Moura, disse hoje à agência Lusa a presidente. O primeiro caso de infeção foi detetado na passada sexta-feira, quando uma funcionária do lar, que estava constipada, teve febre e deslocou-se ao centro de saúde, onde fez teste de despiste do vírus, que deu resultado positivo, explicou Diamantina Escoval, presidente da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) de Moura, no distrito de Beja.

18h04 - Israel testou hoje resposta a eventual surto de nova variante
 
Altos funcionários civis e militares de Israel testaram hoje a capacidade de resposta do país no caso do surto de uma nova variante do coronavírus, indicou o gabinete do primeiro-ministro, Naftali Bennett. Os funcionários, reunidos no centro nacional de gestão de crise, nos arredores de Jerusalém, realizaram um exercício de simulação em que tiveram de enfrentar vários cenários como a triagem massiva e o reforço de campanhas de vacinação, a implementação de recolher obrigatório ou o encerramento do aeroporto internacional Ben-Gurion.

17h47 - Países Baixos batem recorde diário com 16.364 novos casos

Os Países Baixos contabilizaram nas últimas 24 horas 16.364 novos casos de covid-19, o número mais alto de infeções desde o início da pandemia no país, em março de 2020, indicou hoje o Instituto de Saúde Pública (RIVM) holandês. O aumento do número de casos levou hoje o Governo de Haia a reunir-se para decidir se vai seguir os conselhos das equipas de especialistas, que recomendaram a imposição de um confinamento limitado no país, decisões que se aguardam para sexta-feira.

17h35 - Parlamento aprova fim do regime excecional de libertação de reclusos
 
A Assembleia da República aprovou hoje, na generalidade, o projeto do CDS-PP que propõe o fim do regime excecional de libertação de reclusos criado devido à pandemia de Covid-19 e rejeitou uma iniciativa semelhante do PSD. O projeto-lei do CDS-PP foi aprovado com os votos favoráveis do proponente e das bancadas do PS, do PSD, do PCP, dos Verdes e dos deputados do Chega, da IL e não inscrita Cristina Rodrigues.

17h11 - Governo confiante que apoio às rendas seja regularizado "rapidamente"
 
O ministro de Estado, da Economia e Transição Digital, Pedro Siza Vieira, disse hoje que o programa Apoiar Rendas deverá estar regularizado "muito rapidamente", depois de empresários se terem queixado de atrasos nos pagamentos. Questionado sobre as queixas dos empresários, nomeadamente da AHRESP, de atrasos nos pagamentos do apoio às rendas, Pedro Siza Vieira referiu que esta regularização será "seguramente" antes do final do ano. Mais, que espera que esse pagamento "esteja por dias".

17h01 - OMS critica "falta de vontade política" para acabar com pandemia
 
O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS) disse hoje que a pandemia de covid-19 "terminará quando o mundo decidir que terminará", que "falta vontade política", e que a prioridade é que os países com poucas vacinas as recebam. Tedros Ghebreysus, que participou num painel de discussão no Fórum para a Paz em Paris, sublinhou que "África, em particular, é o continente mais afetado pela distribuição desigual" de vacinas contra a covid-19, com apenas 5% da sua população coberta.  

16h28 - Portugal com mais nove mortes e 1.477 novos casos

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais nove mortes e 1.477 novos casos relacionados com a Covid-19. Os dados constam do mais recente relatório epidemiológico, divulgado esta quinta-feira pela Direção-Geral da Saúde. No total, desde o início da pandemia, já foram registados 18.231 óbitos e 1.102.438 infetados. Os internamentos seguem a subir, com 383 pessoas hospitalizadas, mais três do que no dia anterior, das quais 64 estão nas unidades de cuidados intensivos, mais duas do que ontem.

16h25 - Região austríaca impõe confinamento a não vacinados a partir de 2.ª feira

A região da Alta Áustria vai impor confinamento a quem não tenha sido vacinado e é já a partir de segunda-feira. A medida foi tomada em resposta ao alto nível de infeções no estado federal austríaco com a menor percentagem de imunizados, enquanto o governo alerta que a medida pode ser estendida ao resto do país. Com apenas 17% da população total da Áustria, a região corresponde a 22% de todos os novos infetados registados nas últimas 24 horas, refere a Efe, sendo também a região com a menor taxa de população imunizada.

16h18 - Diabetes torna África mais vulnerável à Covid-19, diz OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou, esta quinta-feira, que pessoas com diabetes em África estão mais suscetíveis a morrer com Covid-19. O número de pessoas com diabetes em África está em ascensão, tornando-se um problema ainda mais grave quando aliado à Covid-19. De acordo com os dados divulgados, referentes a 13 países africanos, 10.2% das pessoas que morreram como consequência da Covid-19 tinham diabetes, comparando com 2.5% dos restantes infetados.

16h07 - Depois dos EUA, Israel aprova vacinação das crianças dos 5 aos 11 anos

Depois de ter sido um dos primeiros países do mundo a pôr em marcha uma campanha de vacinação abrangente contra a Covid-19, assim que foram aprovadas as primeiras vacinas, Israel prepara-se agora para vacinar as crianças dos 5 aos 11 anos. A vacinação dessa faixa etária, autorizada na quarta-feira, deverá arrancar ainda este mês.

15h54 - EMA autoriza dois medicamentos de anticorpos monoclonais contra a Covid

A Agência Europeia do Medicamento recomendou pela primeira vez a autorização de dois medicamentos à base de anticorpos monoclonais contra a Covid-19. Depois de, esta quinta-feira, o regulador ter recomendado a adição de uma nova condição rara provocada pela vacina da Janssen, emite agora um parecer sobre Regkirona e Ronapreve. Ambos podem ser usados em adultos e, no caso do Ronapreve, também pode ser dado a adolescentes (a partir dos 12 anos de idade e pesando pelo menos 40 kg). A condição é que o paciente não necessite de oxigénio suplementar ou apresente risco aumentado de agravamento da doença. 

15h36 - Dez estados republicanos processam a administração de Biden

Dez estados republicanos processaram a administração de Joe Biden, numa tentativa de colocar um entrave na obrigatoriedade dos profissionais de saúde serem inoculados contra a Covid-19. O presidente dos Estados Unidos da América (EUA) disse na semana passada que iria introduzir a medida a 4 de janeiro, ao que os procuradores gerais do Missouri, Nebraska, Arkansas, Kansas, Iowa, Wyoming, Alaska, Dakota do Sul, Dakota do Norte e New Hampshire remataram que isso iria agravar a falta de funcionários.

14h36 - EMA alerta para nova condição rara provocada pela vacina da Janssen

A Agência Europeia do Medicamento recomendou a adição de uma nova condição rara na coluna como efeito colateral da vacina monodose da Janssen. O regulador europeu alerta para um tipo raro de inflamação espinhal chamado mielite transversa. 

13h51 - Pandemia já matou pelo menos mais de cinco milhões em todo o mundo

A pandemia provocada pelo novo coronavírus já fez pelo menos 5.071.273 mortos em todo o mundo desde que foi notificado o primeiro caso na China no final de 2019, segundo o balanço diário da agência France-Presse (AFP). Mais de 251.370.630 pessoas foram infetadas, até à data, pelo novo coronavírus em todo o mundo.

12h52 - Açores registam 21 novos casos de infeção e um óbito 

Açores registaram hoje 21 novos casos de infeção, todos na ilha de São Miguel, e um óbito de uma mulher de 83 anos, revelou a Autoridade de Saúde Regional

12h28 - Novo medicamento reduz mortes de doentes hospitalizados

A dexametasona revelou-se eficaz no tratamento de doentes hospitalizados com Covid-19, segundo um novo estudo, divulgado esta semana na conferência anual da Sociedade para a Endocrinologia do Reino Unido, em Edimburgo.

12h27 - Olaf Scholz anuncia novas medidas para combate à Covid-19 na Alemanha

O social-democrata Olaf Scholz, que provavelmente substituirá a chanceler Angela Merkel no Governo alemão, anunciou hoje uma série de medidas de combate ao novo coronavírus elaboradas pelos três partidos que negoceiam a nova coligação governamental.

O vírus ainda está entre nós.

12h24 - Vacinação dos profissionais de saúde com terceira dose começa segunda-feira

A vacinação dos profissionais de saúde com a terceira dose da vacina contra a covid-19 terá início na próxima segunda-feira, anunciou hoje o secretário de Estado Adjunto e da Saúde.

As vacinas estão a ser distribuídas hoje pelas instituições de saúde do país.

11h11 -  'Casa aberta' este fim de semana para maiores de 80 anos

A modalidade "casa aberta" vai estar aberta este fim de semana para os maiores de 80 anos para acelerar o processo de vacinação contra a covid-19 e a gripe, anunciou hoje o secretário de Estado Adjunto e da Saúde.

Vai estar  também disponível o agendamento local para as faixas elegíveis, começando nas faixas mais idosas e depois vindo de uma forma decrescente até aos 65 anos.

11h08 - Malásia vai reabrir fronteiras até 1 de janeiro

A Malásia vai reabrir as fronteiras a turistas internacionais até 1 de janeiro, anunciou um conselho consultivo do governo esta quinta-feira, numa altura em que o país procura recuperar o setor do turismo.

A data ao certo ainda está a ser determinada pelas autoridades de saúde.

10h30 - Bispos católicos evocam vítimas da pandemia no Santuário de Fátima

O presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, José Ornelas, lembrou hoje as vítimas da pandemia de covid-19, em particular os que não puderam fazer o luto pelos familiares mortos devido ao coronavírus.

O prelado destacou ainda o papel dos que assistiram os doentes durante esta pandemia.

10h25 - Siza Vieira comenta aumento de casos da Covid-19

O ministro de Estado e da Economia, Pedro Siza Vieira, disse esta quinta-feira que o aumento de casos Covid-19 não se está a traduzir em aumento de internamentos, no entanto, alerta para os riscos que ainda se mantêm. "Está a haver um aumento de casos, mas não está a ser acompanhado de um aumento de internamentos. Precisamos de monitorizar muito atentamente a situação (...)", comentou.

Ainda não estamos em águas seguras, ainda existem riscos."

10h00 - África deve aproveitar descida nos casos para vacinar mais

O diretor do Centro de Controlo e Prevenção e Doenças da União Africana (África CDC) defendeu hoje que o continente deve aproveitar a descida no número de casos para aumentar a testagem e a vacinação antes da quarta vaga.

"Sabemos que a quarta vaga vai chegar."

9h45 - Descoberto motivo pelo qual a Covid-19 provoca perda de olfato

Desde o início da pandemia que a perda de olfato se tornou um “alerta vermelho” para todos por evidenciar a infeção pela Sars-CoV-2 que provoca a doença Covid-19. De acordo com novos dados, os neurónios olfativos são alvos do vírus, independentemente das variantes. Em alguns doentes, estes neurónios podem nunca ser recuperáveis. Perceba o porquê neste link

9h05 - Simone de Oliveira sobre negacionistas: "Punha-os todos a cavar ao sol"

A cantora portuguesa Simone de Oliveira deu uma entrevista ao site digital 'Gerador' onde teceu a sua opinião sobre os movimentos negacionistas e extremistas.

Simone revelou o que faria com estes movimentos:

 "Punha-os todos no Alentejo a cavar, ao sol. E pronto".

8h47 - 1.ª dose da vacina dada a 900 mil crianças entre os 5 e 11 anos nos EUA

Cerca de 900 mil crianças entre os cinco e os 11 anos já receberam a primeira dose da vacina da Pfizer contra a covid-19 desde o começo da campanha para esta faixa etária nos Estados Unidos, foi hoje divulgado.

As farmácias já receberam ainda cerca de 700 mil pedidos de agendamento.

8h05 - Regulador do Brasil recebe pedido de uso emergência da vacina da CanSino

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), órgão regulador do Brasil, recebeu um pedido de uso de emergência da vacina contra a covid-19 Convidecia, fabricada pelo laboratório chinês CanSino, informaram hoje fontes oficiais.

8h00 - Contrair gripe dá alguma proteção contra a Covid-19? 

Um novo estudo revelou que pessoas que haviam recuperado recentemente de uma constipação registaram um aumento de células T, que por sua vez podem oferecer proteção contra uma ampla gama de coronavírus.

Cientistas da University College London, no Reino Unido, rastrearam mais de 750 profissionais de saúde que trabalhavam com pacientes que sofriam de Covid-19.

Exposição prévia à gripe comum pode dar um avanço contra o vírus"

Saiba mais neste link. 

7h54 - Covid-19 pode afetar o desempenho cognitivo

É já conhecido o facto de a Covid-19 afetar vários órgãos e um deles é o cérebro. O jornal alemão Der Spiegel avança que os investigadores estão a encontrar cada vez mais indícios que a infeção pode reduzir o desempenho cognitivo. As informações sobre por que é que isto acontece e quem está mais em risco são ainda muito escassas, sabendo-se apenas que a memória fica comprometida, há quem sofra com tonturas e ainda dor de cabeça.

Um estudo, que o Notícias ao Minuto deu conta em outubro, deu novas evidências de que a infeção pelo novo coronavírus pode mesmo comprometer o normal funcionamento do cérebro. Saiba mais sobre esse estudo neste link.

7h30 - Alemanha com mais de 50 mil casos em novo recorde diário 

A Alemanha registou hoje um novo recorde de infeções por Covid-19 desde o início da pandemia, com 50.196 casos detetados nas últimas 24 horas, anunciou o Instituto Robert Koch (RKI) de virologia.

Esta é a primeira vez que o país, que atravessa uma nova vaga de contágios, ultrapassa os 50 mil casos diários, depois de ter registado recordes sucessivos de contaminação nos últimos dias. Nas últimas 24 horas, o país contabilizou ainda 235 mortes provocadas pela doença, segundo o RKI.

Na quarta-feira, a chanceler cessante, Angela Merkel, considerou a nova vaga de infeções "dramática".

7h23 - China deteta 62 casos nas últimas 24 horas

A China detetou 62 casos de covid-19 nas últimas 24 horas, 47 por contágio local e os restantes oriundos do estrangeiro, anunciaram hoje as autoridades de saúde do país. Os casos locais foram detetados nas províncias de Liaoning (21), Henan (13), Heilongjiang (sete), Hebei (três), Yunnan (dois) e Jilin (um).

7h22 - Pfizer inicia testes de medicamento experimental no Brasil

A farmacêutica norte-americana Pfizer iniciou no Brasil estudos clínicos do Paxlovid, um fármaco experimental em formato de pílula destinado ao tratamento contra a Covid-19, noticiou hoje a imprensa local.

7h21 - Bruxelas divulga hoje previsões económicas ainda ensombradas pela Covid

A Comissão Europeia publica hoje as suas previsões económicas de outono, ainda ensombradas pela situação epidemiológica da Covid-19, que voltou a agravar-se na Europa, e sem projeto orçamental português.

7h19 - Mais de dois milhões de autotestes recolhidos nos EUA

A empresa australiana Ellume retirou mais de dois milhões de autotestes de Covid-19 nos Estados Unidos, devido a um risco acrescido de falsos positivos, informaram as autoridades de saúde norte-americanas.

7h14 - Bom dia! Arrancamos com um novo acompanhamento da pandemia ao minuto que poderá ir estando a par ao longo de todo o dia. Pode recordar o anterior através deste link.

Leia Também: AO MINUTO: Meta para fim de pandemia reforçada; Portugal "confortável"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório