Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
11º
MIN 11º MÁX 16º

Edição

"Democracia sobreviveu" à invasão ao Capitólio graças aos polícias

O Presidente dos EUA, Joe Biden, prestou hoje homenagem aos polícias mortos durante a invasão ao Capitólio, em 06 de janeiro, e aos que lutaram contra esse ataque, declarando que, "por sua causa, a democracia sobreviveu".

"Democracia sobreviveu" à invasão ao Capitólio graças aos polícias
Notícias ao Minuto

22:05 - 16/10/21 por Lusa

Mundo EUA

Biden falava durante o Memorial Anual dos Oficiais da Paz Nacional para lembrar os 491 polícias que morreram no cumprimento do dever em 2019 e 2020.

De pé, no mesmo local onde um grupo de apoiantes dos ex-Presidente Donald Trump invadiu a sede do Congresso, Biden destacou o papel dos 150 polícias que ficaram feridos e os cinco que morreram no rescaldo do ataque.

"Há nove meses, esses vossos irmãos e irmãs frustraram um ataque inconstitucional e fundamentalmente não americano, contrário aos valores da nossa nação. Por sua causa, a democracia sobreviveu", disse Biden.

Centenas de agentes e seus familiares sentaram-se em cadeiras montadas na frente oeste do Capitólio, enquanto alguns secavam as lágrimas dos olhos, quando o Presidente homenageou a coragem dos polícias que tentaram impedir a invasão do Capitólio.

Biden também destacou o pesado fardo colocado sobre os polícias e repreendeu o movimento político que tentou retirar fundos para o funcionamento das forças de segurança.

"Ser polícia hoje é mais difícil do que nunca", disse Biden, que lembrou que tem muitos amigos de infância que se tornaram agentes de segurança.

Os esforços de Biden para aprovar um projeto de lei para rever o estatuto das forças de segurança - após a morte do afro-americano George Floyd, que morreu asfixiado, quando estava sob escolta policial -- fracassaram, com o Congresso a encerrar as negociações entre os dois partidos, sem que houvesse um acordo.

Além disso, a agenda do Presidente sobre a violência armada em grande parte estagnou e a sua escolha inicial para dirigir o departamento responsável pelas armas de fogo não está a conseguir desempenhar a difícil tarefa que lhe foi confiada.

Na cerimónia de hoje no Capitólio, Biden expressou preocupação por todos os agentes no cumprimento do dever e mencionou os três polícias alvejados numa emboscada, hoje, num bar de Houston, Texas, em que um dos agentes foi morto.

Leia Também: Capitólio. Biden autoriza transferência de documentos para investigação

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório