Meteorologia

  • 26 JANEIRO 2022
Tempo
13º
MIN 7º MÁX 15º

Edição

UE renova sanções por ameaças à integridade e independência da Ucrânia

O Conselho da União Europeia (UE) prolongou hoje por mais seis meses, até 15 de março de 2022, as sanções impostas por ataques à integridade e soberania da Ucrânia.

UE renova sanções por ameaças à integridade e independência da Ucrânia
Notícias ao Minuto

13:06 - 10/09/21 por Lusa

Mundo UE

As sanções "visam os responsáveis por minar ou ameaçar a integridade territorial, a soberania e a independência da Ucrânia", segundo um comunicado.

As medidas restritivas em causa -- que se aplicam a 177 indivíduos e 48 entidades -- incluem proibição de viajar para a UE, o congelamento de bens e a proibição de tornar fundos ou outros recursos económicos acessíveis aos visados.

As medidas restritivas relativas a ações que minam ou ameaçam a integridade territorial, a soberania e a independência da Ucrânia foram introduzidas pela primeira vez a 17 de março de 2014.

Outras medidas da UE adotadas em resposta à crise na Ucrânia incluem sanções económicas dirigidas a setores específicos da economia russa, atualmente em vigor até 31 de janeiro de 2022, e medidas restritivas em resposta à anexação ilegal da Crimeia e Sebastopol, limitadas a estes territórios e em vigor até 23 de junho de 2022.

Leia Também: Presidente da Ucrânia admite uma guerra de "grande escala" com a Rússia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório