Meteorologia

  • 24 JUNHO 2021
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 32º

Edição

AO MINUTO: Festejos? Quando as coisas correm bem "marcamos autogolos"

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Festejos? Quando as coisas correm bem "marcamos autogolos"

Portugal registou, nas últimas 24 horas,  mais quatro mortes e 485 casos de infeção pelo novo coronavírus. De acordo com o relatório de hoje a incidência desceu. A nível nacional temos agora 51 casos de infeção por 100 mil habitantes. Já o Rt subiu ligeiramente para 0,93 a nível nacional. 

No rescaldo dos festejos do Sporting Clube de Portugal, que ontem se sagrou campeão nacional, especialistas e governantes manifestaram-se receosos sobre as consequências que pode ter na situação epidemiológica. O Presidente da República, uma das vozes que apelaram ontem à sensatez de todos, pediu hoje um "esforço" extra na prevenção da Covid-19, considerando que o fim do processo pandémico "está mais próximo". "O que peço é que celebrem o que têm a celebrar, festejem o que têm a festejar, mas façam um esforço para ajudar. São mais umas semanas e uns meses, aquilo que a vacinação está, à sua maneira, a ajudar de forma decisiva", afirmou.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

00h00- Boa noite! Suspendemos o acompanhamento AO MINUTO de hoje, mas voltaremos na manhã de amanhã para atualizar todas as informações sobre a pandemia. Já sabe, em caso de sintomas, mantenha-se isolado e contacte a Linha de Saúde 24 (808 24 24 24). 

23h00- O Brasil somou, nas últimas 24 horas, mais 76.692 contágios pelo novo coronavírus e 2.494 mortes devido à Covid-19.

22h15 - "Por favor, testem-se". O especialista Manuel Carmo Gomes disse ser consensual que o que se passou ontem nos festejos do campeonato foi "um golo na própria baliza", mas defendeu que não vale a pena "chorar pelo leite derramado". Assim, apelou a todos os que estiveram nos festejos que se testem nas próximas 48 a 72 horas.

"Se alguma pessoa foi infetada ontem, dentro de, aproximadamente dois a três dias, adquire capacidade de transmitir a infeção a outros e, provavelmente, não tem sintomas", lembrou. Se o teste for PCR e vier negativo, "tudo bem". Se for um teste de antigénio, que dê negativo, "recomendo que repitam o teste dois dias depois". O especialista, que considerou este um "mau exemplo", defendeu que as "responsabilidades sociais do clube" devem levar o Sporting a incentivar os adeptos a testarem-se.

O especialista vai mais longe, sugerindo uma colaboração entre o clube e as autoridades de saúde para facilitar a testagem de todas as pessoas que o queiram fazer. "Se fizermos isso, talvez consigamos quebrar a maior parte das cadeias de transmissão que eventualmente tenham nascido ontem. Seria muito importante para que Portugal continue com um nível muito baixo de incidência, continuemos a ser um destino preferido por aqueles que vêm à procura de sol no verão...". "Por favor, testem-se" e "enquanto não souberem o resultado, evitem contactos com pessoas". 

22h00 - Festejos foram um "autogolo". O ex-ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, comparou a forma como decorreram os festejos do Sporting, em Lisboa, com um "autogolo". "Temos esta tendência de, quando as coisas estão a correr bem, marcar autogolos. Isto, para mim, é um autogolo. Não vale a pena escamotear a realidade, houve uma subavaliação do risco", afirmou o ex-governante na SIC Notícias. Para Adalberto Campos Fernandes, o incidente "é grave" mas ocorre "num contexto epidemiológico muito mais favorável".

E, "se agora tivermos o cuidado de fazer o acompanhamento das pessoas e de as sensibilizar para o seu autocontrolo, podemos minorar os riscos". O que se passou ontem, acrescentou, antes de ser um problema de ordem pública, "é um problema sanitário". Do ponto de vista sanitário talvez tenha havido um excesso de confiança e a dificuldade de contrariar um ambiente de festa", considerou. Seja como for, perante este "autogolo" é preciso "reagir e tentar ganhar o jogo".

O ex-ministro disse ainda que, se daqui a 15 dias não existir um agravamento da situação, então o país terá boas notícias que deverão servir para rever o quadro de restrições aos centros comerciais, aos concertos, etc. 

21h45 - No panorama geral da vacinação contra a Covid-19 na União Europeia, Portugal figura na 13.ª posição (ligeiramente acima da média europeia), com 11,34% da população imunizada. Malta é o país com maior percentagem de população com vacinação completa (28.82%). 

21h30 - A ex-presidente brasileira Dilma Rousseff classificou hoje de "genocídio" a gestão da pandemia feita pelo atual chefe de Estado do Brasil, Jair Bolsonaro, durante uma cerimónia na Cidade do México em que foi recebida como convidada de honra.

21h00- Fátima.  O Santuário de Fátima atingiu às 20h25 a lotação máxima de 7.500 pessoas, estabelecida devido à pandemia de covid-19, disse à agência Lusa fonte oficial da instituição.

19h00- Esteve nos festejos do Sporting? DGS aconselha-o sobre o que deve fazer. Se, por exemplo, houve momentos em que a pessoa não respeitou as medidas de proteção contra a Covid-19, deve fazer um teste entre o 5.º e o 10.º dia após as celebrações. Leia mais aqui. 

19h00 - O PSD defendeu hoje a necessidade de "salvar o verão e preparar o inverno" no que toca à evolução da Covid-19, tendo a ministra da Saúde defendido que o Governo tem sido "formiguinha" para salvar todas as estações.

18h30 - O ex-secretário de Comunicação da Presidência do Brasil, Fábio Wajngarten, disse hoje à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre a pandemia que o Governo ignorou por dois meses contactos da Pfizer sobre venda de vacinas contra a Covid-19.

18h00-  O primeiro-ministro afirmou hoje que assinou "com muita honra" a requisição civil para responder a uma situação de emergência perante um surto epidémico de covid-19 em Odemira, apontando que agora já não há transmissão comunitária. 

17h48 - Angola começou hoje a vacinar a sua população com a primeira dose da vacina russa Sputnik V, tendo recebido já 40 mil doses, adiantou hoje à Lusa o secretário de Estado para a Saúde Pública.

17h40 - Reino Unido preocupado com variante indiana. "Devemos estar vigilantes porque a ameaça deste vírus permanece e novas variantes representam um perigo potencialmente mortal, incluindo uma identificada primeiro na Índia, que é uma preocupação crescente aqui no Reino Unido", afirmou hoje o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, no parlamento.

17h35 - A Espanha registou 6.418 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando para 3.592.751 o total de infetados até agora, continuando o índice de contágios a descer, segundo o Ministério da Saúde espanhol.

17h30 - Responsabilidade é "de cada um". O porta-voz da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) considerou hoje que o cumprimento das regras para prevenir a Covid-19 é uma responsabilidade de cada um, devendo as autoridades zelar para que tal suceda.

17h27-Teletralho obrigatório até ao fim do mês? O Governo tenciona manter o teletrabalho obrigatório em todo o país até ao final do mês de maio, de acordo com as notícias avançadas pelo Jornal de Negócios e pelo Público. A informação terá sido comunicada, esta quarta-feira, aos parceiros sociais. 

17h00- O Reino Unido diagnosticou, no último dia, 2.284 novos casos de infeção e 11 mortes relacionadas com a Covid-19. No total, o Reino Unido acumula 4.441.975 infeções e 127.640 mortes. Mais de 18,4 milhões de cidadãos no Reino Unido já estão imunizados. 

16h40 - Nas últimas 24 horas, Itália registou 7.852 novos casos de infeção, aumentando para 4.131.078 o total de casos desde o início da pandemia. No último dia, morreram mais 262 pessoas  devido à Covid-19, o total de mortes, desde fevereiro de 2020, é de 123.544. 

16h00 - A pandemia de Covid-19 poderia ter sido evitada, segundo os especialistas e personalidades mandatados pela OMS, que reclamam a urgência de vastas reformas dos sistemas de alerta e prevenção para evitar novas pandemias.

15h55 -  O grupo TUI decidiu trocar os 737 por aviões Dreamliner maiores devido à forte procura de viagens para este destino da "lista verde". As reservas para Portugal "dispararam" em 182% desde o governo britânico anunciou que o país constava da "lista verde" de destinos considerados seguros para viajar, o que significa que, no regresso ao Reino Unido, os viajantes não estão obrigados a fazer quarentena. 

15h40 - Vacina lusa pronta para ensaios. A vacina portuguesa contra o novo coronavírus que está a ser desenvolvida na Immunethep, em Cantanhede, está pronta para entrar na fase de ensaios clínicos, aguardando só pelo investimento público necessário, afirmou hoje a farmacêutica.

15h35 - EMA confiante que vacinas são eficazes contra a variante indiana. A Agência Europeia do Medicamento (EMA) afirmou hoje estar confiante de que as vacinas atualmente utilizadas na União Europeia protejam contra a variante descoberta na Índia do coronavírus SARS-CoV-2. "Até agora, no geral, estamos bastantes confiantes de que as vacinas cobrem em geral esta variante", disse em conferência de imprensa virtual o responsável para a estratégia de vacinação da agência, Marco Cavaleri.

15h15 - O índice de transmissibilidade (Rt) do coronavírus SARS-Cov-2 em Portugal subiu hoje para os 0,93, enquanto a incidência de casos de infeção por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias desceu para 51,0.

15h10 - Portugal somou, nas últimas 24 horas, mais 485 novos casos e quatro mortes relacionados com a Covid-19, indica o boletim epidemiológico da DGS divulgado esta quarta-feira.  Trata-se de um aumento de 0,06% nos novos casos de infeção e de 0,02% no que toca aos óbitos.

15h00- Boa tarde! Seguimos aqui o acompanhamento AO MINUTO dos desenvolvimentos da pandemia em Portugal e no Mundo. Recorde aqui os desenvolvimentos da manhã. 

Leia Também: AO MINUTO: Festejos? Risco de descontrolo de casos "é baixo"; Rt subiu

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório