Meteorologia

  • 06 MAIO 2021
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 23º

Edição

AO MINUTO: Portugal vai acelerar vacinação; Açores deixam de exigir teste

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Portugal vai acelerar vacinação; Açores deixam de exigir teste

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais cinco mortes (um aumento de 0,03%) e 424 novos casos (uma variação de 0,05%) relacionados com a Covid-19. Os dados constam do mais recente boletim epidemiológico revelado esta terça-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). No total, desde o início da pandemia, o nosso país registou 16.951 óbitos e 831.645 infeções.

Até agora, mais de dois milhões de residentes em Portugal já receberam, pelo menos, a primeira dose da vacina, o que corresponde a 20% da população residente. Destas, 7% (689.329) já se encontram com a vacinação completa, indica o relatório da vacinação divulgado esta terça-feira.

Um balanço que surge no dia em que a Agência Europeia do Medicamento (EMA) reconheceu uma possível ligação da vacina da Johnson & Jonhson a "casos muito raros de coágulos de sangue invulgares". Ainda assim, o regulador europeu reiterou que os benefícios da vacina Janssen superam os riscos.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

00h00 - Termina aqui o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de quarta-feira. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

Só quer tirar dúvidas? Não assoberbe as linhas telefónicas: [email protected]

23h45 - Brasil supera as 14 milhões de infeções em dia com 3.321 mortes. Brasil notificou esta terça-feira 69.381 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, ultrapassando assim a fasquia dos 14 milhões de contágios desde o início da pandemia (14.043.076), de acordo com  os dados divulgados pelo Ministério da Saúde. 

23h38 - DGS confirma que "existem condições" para o desfile do 25 de Abril. A Direção-Geral da Saúde (DGS) confirmou hoje a realização do desfile comemorativo do 25 de Abril de 1974, tendo em conta a "garantia dada pela organização" do cumprimento das medidas relativas à pandemia da covid-19.

22h20 - Açores deixam de exigir teste à chegada com fim do estado de emergência. Os Açores vão deixar de exigir teste de despiste à covid-19 na chegada à região quando o estado de emergência for levantado e criar incentivos para quem tiver teste prévio, anunciou hoje o Governo açoriano.

21h45 - Vacinação diária de 100 mil pessoas "dentro de duas a três semanas". O coordenador do plano de vacinação afirmou hoje que, dentro de duas a três semanas, será possível vacinar em média 100 mil pessoas por dia, um processo que será "complexo" pela rapidez e número de doses a administrar.

21h30 - Cabo Verde regista mais um morto e 154 novos casos em 24 horas. Cabo Verde registou mais uma morte por covid-19, na ilha de São Vicente, e 154 novos casos de infeção pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, anunciou hoje o Ministério da Saúde. 

21h04 - DGS autoriza (com regras) desfile do 25 de Abril na Avenida da Liberdade. O tradicional desfile comemorativo do 25 de Abril de 1974 vai regressar à Avenida da Liberdade, com algumas regras definidas pela Direção-Geral da Saúde, confirmou hoje à Lusa o coronel Vasco Lourenço.

20h53 - Israel já planeia voltar a vacinar população daqui a meio ano. Com cerca de 81% dos residentes completamente imunizados, Israel está a planear repetir a vacinação contra Covid-19 daqui a seis meses, altura em que espera que já esteja aprovado o uso de vacinas em crianças, anunciou o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu esta terça-feira.

20h40 - Angola com 143 novos casos, dois mortos e 47 recuperações em 24 horas. Angola registou 143 novos casos de covid-19 em 24 horas, assim como duas mortes e 47 recuperações da doença, anunciou hoje o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda.

20h35 - Deco avisa: É necessário começar a preparar soluções para fim das moratórias. A associação de defesa do consumidor Deco defendeu hoje a necessidade de se começar a pensar no fim das moratórias e a preparar soluções que respondam à situação das famílias que não recuperaram ainda rendimentos quando esta medida terminar.

20h32 - Plano nacional quer generalizar testagem à Covid-19. O plano nacional de testagem à Covid-19, hoje divulgado, prevê testagens dirigidas e programadas em contextos como eventos de massa e testagem generalizada que inclui os auto-testes.

20h30 - Madeira tem 17 novos casos de infeção. A Madeira registou hoje 17 novos casos de infeção por SARS-CoV-2, todos de transmissão local, e 48 recuperações, segundo o boletim epidemiológico da Direção Regional de Saúde (DRS).

20h21 - Guiné-Bissau regista mais um caso para acumulado de 3.713, segundo dados hoje divulgados pelo Alto Comissariado para a Covid-19.

20h05 - Um em cada quatro franceses já foram vacinados com 1.ª dose. França já vacinou 24,8% da sua população, ou seja, um em cada quatro franceses já receberam a primeira dose da vacina, embora o número de pacientes em estado grave continue a aumentar, segundo divulgaram hoje as autoridades sanitárias gaulesas.

20h00 - Portugal está a "refletir" sobre o que vai fazer com vacina da Johnson & Johnson, anunciou o vice-almirante Gouveia e Melo, responsável pela task-force da vacinação contra a Covid-19. O regulador europeu continua a recomendar o fármaco, apesar de reconhecer que é possível que haja uma ligação entre o uso da vacina e a formação de coágulos raros. 

19h38 - Johnson & Johnson com lucros de 5,15 mil milhões no primeiro trimestre. A farmacêutica Johnson & Johnson reportou hoje lucros de 5,15 mil milhões de euros (6,2 mil milhões de dólares) no primeiro trimestre, um aumento de 6,9% face aos 4,82 mil milhões de euros registados no mesmo período do ano passado.

19h20 - 27 milhões de pessoas já foram vacinadas com a 2.ª dose na UE. O vice-presidente executivo da Comissão Europeia Maros Sefcovic informou hoje que cerca de 27 milhões de pessoas já foram vacinadas com a segunda dose da vacina contra a covid-19 na União Europeia (UE).

19h03 - António Costa ataca "guerras nacionais" em torno das vacinas. O primeiro-ministro atacou hoje as políticas de fecho de fronteiras para impedir a saída de vacinas e as "guerras nacionais" em função do país de origem dessas vacinas, defendendo em contrapartida mais prevenção e regulação global.

18h44 - Johnson & Johnson vai retomar envio de vacinas para a União Europeia. A Johnson & Johnson vai retomar o envio de vacinas para a União Europeia, Noruega e Islândia, anunciou hoje a farmacêutica norte-americana, no seguimento de recomendação positiva da Agência Europeia do Medicamento (EMA).

18h41 - Países Baixos começam a aliviar restrições a partir de 28 de abril. De acordo com o primeiro-ministro, deixa de haver recolher obrigatório e os cafés passam a poder reabrir o serviço de esplanada.

18h35 - Espanha começa amanhã a distribuir as primeiras doses da vacina da Janssen, depois do parecer da Agência Europeia do Medicamento (EMA). A decisão da ministra da Saúde espanhola, Carolina Darias, surge depois de ter ficado a saber que a EMA confirmou que, apesar da "possível ligação" do medicamento com o desenvolvimento de coágulos muito raros, o equilíbrio entre risco e benefício continua a ser "positivo".

18h30 - Fármaco que reduz sintomas de Covid-19 pode estar pronto no outono. O anúncio foi feito esta terça-feira pelo primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, que adiantou que o fármaco vai estar disponível para os cidadãos levarem para casa, muito provavelmente em forma de comprimido, e com proteção contra as novas variantes do SARS-CoV-2.

18h19 - A Grécia reportou 3.789 casos e 87 mortes associadas à Covid-19. Há uma semana, o país registava 4.017 casos e 93 óbitos. Ao todo, o país já soma 320.629 contágios e 9.627 mortes. Ao todo, há 847 infetados nos cuidados intensivos.

18h15 - Número de pessoas vacinadas em Espanha ultrapassa o de contagiados. A Espanha anunciou que o número de pessoas vacinadas superou o de contagiados, tendo registado hoje 7.486 novos casos de covid-19, elevando para 3.435.840 o total de infetados até agora, segundo o Ministério da Saúde espanhol.

18h00 - Sánchez pede "união e diálogo" para superar "última etapa" da pandemia.  O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, defendeu hoje uma ação alicerçada na "união, diálogo e acordo" para superar a "última etapa" da pandemia de covid-19, afirmando estar convencido que o momento atual é "o princípio do fim".

17h57 - Marcelo evoca exemplo português para defender união global contra Covid. O Presidente da República afirmou hoje, perante o Fórum Empresarial Ibero-Americano, que Portugal tem um consenso político fundamental no combate à covid-19 e advertiu que nesta pandemia" ninguém se salva sozinho" e todos estão no mesmo barco.

17h54 - Cientistas portugueses esclarecem 'online' dúvidas sobre vacinas. Um grupo de cientistas portugueses lançou uma iniciativa, intitulada 'Décadas de Ciência para Dias de Investigação', que através de conversas 'online' com o público, visa esclarecer sobre as vacinas contra a covid-19, revelou hoje uma das responsáveis.

17h46 - Em Portugal, 20% já recebeu pelo menos a primeira dose da vacina. Há 2.015.225 pessoas já parcial ou totalmente imunizadas, o que corresponde a 20% da população residente. Destas, 7% (689.329) já se encontram com a vacinação completa, indica o relatório da vacinação divulgado esta terça-feira.

17h40 - Reino Unido registou 33 mortes e 2.524 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com os dados publicados pelo Governo britânico, que hoje anunciou uma iniciativa para desenvolver medicamentos antivirais. O Governo anunciou a criação de um grupo de trabalho para identificar tratamentos para pacientes que foram expostos à covid-19 para impedir a propagação da infeção e acelerar o tempo de recuperação.

17h27 - Itália registou 390 mortes e 12.074 casos de contágio por Covid-19. Os dados mostram ainda que há, neste momento, 23.255 internados em enfermarias no país e 3.151 nos cuidados intensivos. Ao todo, desde o início da pandemia, o país já registou 117.633 óbitos e 3.89 milhões de casos.

17h18 - Doentes querem manter renovação de receitas que vigorou em confinamento. Seis associações de doentes propuseram hoje a criação de um serviço nacional de renovação terapêutica, iniciativa que dizem ter funcionado com sucesso durante o primeiro estado de emergência, evitando deslocações de pacientes e cuidadores aos centros de saúde.

17h15 - O presidente da Associação Portuguesa de Bancos (APB), Faria de Oliveira, afirmou hoje ser "muito escassa" a possibilidade de extensão das moratórias bancárias adiantando serem muito baixas as situações de incumprimento devido ao fim das moratórias privadas.

17h12 - Comissão Europeia exorta países da UE a utilizarem vacina da Janssen. A Comissão Europeia exortou hoje os países da União Europeia (UE) a utilizarem a vacina da farmacêutica Janssen (grupo Johnson & Johnson) contra a covid-19, dado o regulador europeu ter garantido que os benefícios superam os riscos de coágulos sanguíneos.

17h08 - Mais dois óbitos e 81 novos casos em Moçambique. Os dois óbitos, de moçambicanos com 39 e 46 anos, ocorreram hoje, indicou uma nota de atualização de dados sobre a pandemia. Segundo o documento, Moçambique tem um total acumulado de 802 óbitos e 69.309 casos, dos quais 89% recuperados e 42 internados.

17h04 - Decisão de usar a vacina da Johnson & Johnson fica a cargo de cada país. A Agência Europeia do Medicamento esclarece que cabe agora às autoridades de saúde responsáveis ​​pelas campanhas de vacinação nos Estados-membros "tomar decisões com base na sua situação nacional", sejam elas usar a vacina ou estabelecer possíveis limitações.

16h58 - A diretora executiva da EMA, Emer Cooke, sublinhou que os casos de coágulos sanguíneos são muito raros, afirmando que "na grande maioria dos casos, estas vacinas vão prevenir a morte e hospitalização por Covid-19, e a Covid-19 tem uma taxa de mortalidade muito elevada em várias populações".

16h46 - Questionada sobre se as vacinas da Pfizer e da Moderna também estão a ser estudadas em relação a relatos de coágulos (há 25 relatos de casos entre os que receberam a injeção da Pfizer e cinco casos entre aqueles que receberam a da Moderna), Sabine Straus explica que não se justifica essa análise, uma vez que o número de casos não está acima do número médio esperado em um grupo não vacinado.

16h35 - A responsável pelo comité de Segurança da EMA adianta que não é possível, nesta fase, saber se casos de coágulos sanguíneos ocorreriam mais ou menos frequentemente com a vacina da Johnson & Johnson em comparação com a da AstraZeneca.

16h26 - Portugal já administrou mais de 2,5 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19. Até ao momento, já foram administradas 2.619.092 vacinas, das quais 664.041 são segundas doses. Mas o destaque vai para a 1.ª dose, com Portugal a aproximar-se dos dois milhões de pessoas vacinadas (1.933.854)

16h20 - Sabine Straus adianta que os casos reportados nos Estados Unidos ocorreram principalmente em mulheres com menos de 60 anos, nas primeiras três semanas após a vacinação. Ainda assim, reconhece que, "de momento, não é possível identificar fatores de risco claros, como sexo ou idade" nos casos de coágulos.

16h18 - Nos ensaios clínicos, a vacina da Janssen demonstrou ser "altamente eficaz na prevenção de infecções causadas pela Covid-19", esclareceu Sabine Straus, a responsável pelo comité de Segurança da EMA.

16h15 - A diretora executiva da EMA garante que ainda não foram detetados casos de coágulos em pessoas vacinadas com o fármaco da Janssen na Europa.

16h10 - EMA sobre a vacina Janssen. Já começou a conferência de imprensa sobre os efeitos secundários da vacina da Johnson & Johnson. Acompanhe aqui:

16h04 - Açores com 75% da população com mais de 75 anos vacinada com a 1.ª dose. O Governo dos Açores revelou hoje que 75% dos açorianos com mais de 75 anos já receberam uma dose da vacina contra a covid-19 e que até ao final da semana 25% da população terá uma dose inoculada.

15h57 - Cabo Verde reforça fiscalização ao uso de máscara e descarta Emergência. O primeiro-ministro cabo-verdiano disse hoje que o Governo vai dar diretrizes às autoridades policiais e de saúde para reforçar a fiscalização ao uso de máscara, mas descartou novos estados de emergência por causa da pandemia da covid-19.

15h25 - 280 postos de vacinação a ser criados para vacinar 100 mil pessoas/dia.  Duzentos e oitenta postos de vacinação rápida e de resposta reforçada estão a ser criados em todo o país para se conseguir vacinar 100 mil pessoas por dia, disse hoje à Lusa o coordenador da 'task force'.

15h23 - EMA mantém confiança na vacina da Johnson & Johnson. Regulador europeu recomendou hoje ao grupo Johnson & Johnson que adicione "casos muito raros de coágulos sanguíneos" à lista de possíveis efeitos secundários.

Bom tarde! Damos início a um novo registo sobre a evolução da pandemia em Portugal e no mundo. Recorde o que se passou esta manhã clicando aqui

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório