Meteorologia

  • 24 JUNHO 2021
Tempo
27º
MIN 15º MÁX 32º

Edição

Índia com recorde de 234.692 novas infeções nas últimas 24 horas

A Índia registou um recorde de 234.692 novas infeções e o segundo maior número de mortes nas últimas 24 horas, enquanto as autoridades aumentaram as restrições em estados no norte do país.

Índia com recorde de 234.692 novas infeções nas últimas 24 horas
Notícias ao Minuto

09:16 - 17/04/21 por Lusa

Mundo Covid-19

O país registou hoje o maior número de casos em 24 horas, depois de ultrapassar na quinta-feira a barreira das 200.000 infeções pela primeira vez desde o início da pandemia, de acordo com os últimos dados do Ministério da Saúde da Índia.

As 1.341 mortes registadas nas últimas 24 horas devido ao covid-19 também estão entre os números mais altos de óbitos no país, tendo apenas sido superadas em 16 de junho com 2.006 mortes diárias.

A Índia é o segundo país mais afetado pela pandemia, atrás apenas dos Estados Unidos, e está a passar por uma segunda onda vertiginosa.

O número total de casos do novo coronavírus no país asiático desde o início da pandemia totaliza 14,5 milhões, enquanto as mortes ascenderam a 175.649.

Diante do aumento contínuo de casos, Nova Deli impôs um confinamento ao longo do fim de semana, bem como o encerramento de academias e restaurantes até ao final do mês, para controlar a pandemia.

Outros Estados, como o Maharashtra (oeste), o mais afetado pela pandemia com 63.729 infeções nas últimas 24 horas, já endureceram as restrições e o Governo de Uttar Pradesh (norte) impôs na sexta-feira um confinamento de 36 horas.

Mas, à medida que mais regiões tentam limitar a propagação do vírus com regras mais rígidas, as imagens de milhões de peregrinos reunindo-se na cidade de Haridwar para participar num festival hindu causaram polémica no país.

A festa do Kumbh Mela é a maior e uma das mais antigas celebrações religiosas do mundo, em que milhões e peregrinos tomam banho nas águas do rio Ganges.

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, disse hoje numa mensagem publicada na rede social Twitter que "o Kumbh agora deve ser simbólico. Isso ajudará à luta contra esta crise".

Enquanto isso, a Índia continua com a sua campanha de vacinação e desde o início de janeiro foram administradas 119,9 milhões de doses, das quais três milhões nas últimas 24 horas.

Leia Também: AO MINUTO: Arranca vacinação de quase 170 mil docentes e funcionários

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório