Meteorologia

  • 16 JUNHO 2021
Tempo
24º
MIN 18º MÁX 24º

Edição

'Twerk' em evento da Marinha australiana causa polémica. Eis as imagens

Grupo '101 Doll Squadron' foi contratado para atuar na apresentação de um novo navio, mas a dança causou celeuma a diversos níveis.

O grupo de dança '101 Doll Squadron' foi contratado pela Royal Australian Navy para atuar no evento que marcou a apresentação do navio HMAS Supply mas, o que poderia ser uma normal performance, está a ser duramente criticada por diversas razões. Se os Conservadores australianos consideraram o 'twerk' exibido demasiado explícito e "inapropriado", as bailarinas atacam a forma como foram tratadas pelos media. 

O vídeo começou a causar polémica após ter sido revelado, na passada quarta-feira, através das redes sociais.

Nas imagens, vê-se o grupo de jovens a atuar junto ao novo navio, com roupas diminutas e uma dança mais 'atrevida' do que o habitualmente esperado para um evento da Marinha australiana. 

Os 'ingredientes' para uma boa celeuma online ficaram, assim, reunidos. Conta a BBC que também os tablóides entraram no 'jogo' e espalharam fotos provocadoras das mulheres durante a performance nas suas páginas. A coreografia que apresentaram foi, também, apelidada de "demasiado sexual". 

A senadora Jacqui Lambie, sem partido e veterana das Forças Armadas australianas, chegou a adjetivar o sucedido como "um choque absoluto". "Estar meia-vestida frente a um navio de guerra é, provavelmente, inapropriado", referiu.

Por outro lado, as integrantes da '101 Doll Squadron' - um grupo que se especializou em danças reggae, jazz e hip hop - respondeu às críticas acusando que foi a cobertura dada pelos media que tornou a situação mais dolorosa, em especial a da ABC, que fez uma "edição enganosa". 

"Consideramos isto muito assustador e que reflete mais sobre o operador de câmara da ABC e a sua necessidade de sexualizar as mulheres e os seus passos dança para a sua própria gratificação", consideraram. 

Veja, na galeria acima, as imagens da performance que gerou a polémica.

Leia Também: Austrália abandona objetivo de vacinar toda a população até final do ano

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório