Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2020
Tempo
MIN 9º MÁX 16º

Edição

Sudão assina o seu primeiro acordo com Banco Mundial

O Sudão assinou hoje um acordo com o Banco Mundial, o primeiro entre o país e a organização, poucos dias depois de ter sido anunciada a sua retirada da lista de Estados que apoiam o terrorismo.

Sudão assina o seu primeiro acordo com Banco Mundial

De acordo com a ministra das Finanças do Sudão, Heba Mohamed Ali, o acordo, assinado na sede do Banco Mundial em Cartum, prevê a doação de 370 milhões de dólares (312 milhões de euros) ao país, dos quais 200 milhões de dólares (168 milhões de euros) provêm da própria instituição financeira, refere a agência noticiosa oficial sudanesa, Suna, citada pela espanhola Efe.

Os restantes 170 milhões de dólares (143 milhões de euros) são resultado de contribuições de parceiros europeus do país africano, como a União Europeia, Irlanda, Alemanha, Países Baixos e Grécia, acrescentou Ali.

A ministra assegurou que a doação "será utilizada para apoiar diretamente os cidadãos sudaneses, especialmente as famílias necessitadas, através do Programa de Apoio Familiar".

Do lado do Banco Mundial, o diretor regional da instituição para o Sudão, Sudão do Sul, Eritreia e Etiópia, Osman Diwan elogiou as medidas que permitiram ao país "ganhar apoio e admiração".

Para Diwan, a contribuição é "uma homenagem ao Governo sudanês pelo início de uma nova fase da democracia".

O acordo surge depois de o Presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, ter anunciado a retirada do Sudão da lista de Estados patrocinadores do terrorismo e poucas horas antes de o chefe de Estado norte-americano ter assinado uma ordem para o início da remoção do país desta lista.

A integração do Sudão nesta lista negra dos Estados Unidos, onde está desde 1993, quando foi acusado por Washington de ser cúmplice em vários ataques da Al-Qaida contra edifícios norte-americanos, impediu o acesso de Cartum a organismos financeiros internacionais e o seu relacionamento com bancos americanos e europeus.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório