Meteorologia

  • 21 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 6º MÁX 14º

Edição

AO MINUTO: "Bons resultados" na AML. Mais de 55 mil novos casos no Brasil

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no resto do mundo.

AO MINUTO: "Bons resultados" na AML. Mais de 55 mil novos casos no Brasil

O Reino Unido deixou, novamente, Portugal de fora da lista dos países seguros para viajar devido à pandemia Covid-19, uma decisão que o Governo, pela voz do Ministro dos Negócios Estrangeiros, já lamentou.

Augusto Santos Silva indicou, no debate do Estado da Nação, que o governo britânico “não foi capaz de explicar os fundamentos políticos e técnicos da decisão" e assegurou que Portugal  está a "trabalhar incansavelmente" para garantir condições para estas deslocações entre os dois países.

pandemia da doença provocada pelo novo coronavírus já provocou a morte a mais de 633 mil pessoas e infetou mais de 15,5 milhões em todo o mundo, de acordo com o último balanço feito pela Agência France-Presse.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no resto do Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no resto do mundo. 

00h00 - Boa noite! Termina aqui o acompanhamento de hoje da pandemia. Retomamos amanhã de manhã. Continue a seguir-nos AO MINUTO. E já sabe, se tiver sintomas relacionados com a Covid-19 (febre e tosse, principalmente), contacte as autoridades de saúde e cumpra com todas as recomendações. 

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

23h40 - Um grupo humanitário afirmou hoje que 97 funcionários médicos no Iémen morreram de covid-19, naquela que é a primeira estimativa credível acerca do impacto da pandemia no país atingido pela guerra.

23h35 - Há quatro meses sem contacto com os seus alunos, por culpa da pandemia, Maura Silva, professora de uma escola municipal na zona oeste do Rio de Janeiro, teve uma ideia 'brilhante' para surpreender as crianças com um 'kit abraço' que lhes possibilitou matar saudades.

Notícias ao MinutoMaura Silva surpreendeu os alunos nas suas casas© Reuters 

23h00 - O Brasil registou mais 55.891 infeções e 1.156 óbitos, revelaram as autoridades de saúde no balanço desta sexta-feira. Total de casos é agora de 2.3433.66 e de óbitos de 85.238.

22h30 - As autoridades de saúde do Chile anunciaram hoje as primeiras zonas que vão sair do confinamento domiciliário preventivo em vigor naquele país nos últimos meses devido à pandemia de Covid-19.

21h40 - Idosa de 92 anos morreu de Covid-19, no Brasil, dias depois de ter tido alta hospitalar. Familiares desconfiam que mulher contraiu a doença no hospital onde este internada da primeira vez, tendo depois infetado quatro familiares quando regressou a casa. Rosa Neves morreu esta segunda-feira, dia 20, ao fim de nove dias de internamento. 

21h20- O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, reafirmou hoje que "abrir as escolas" no próximo ano letivo "é um imperativo", garantindo que "todas as condições de segurança" estão a ser criadas tendo em conta a pandemia

21h05 - "Não compreendemos o vírus durante as primeiras semanas", reconheceu o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, à BBC, assumindo que há coisas que podiam ter sido feitas de modo diferente. O Reino Unido, sublinhe-se, acumula mais de 45 mil mortes por Covid-19 e quase 300 mil casos confirmados. 

21h00 - A Organização Mundial de Saúde reportou esta sexta-feira 284.196 novos casos de Covid-19 em 24 horas, o registo mais alto num só dia. 

20h50 - O Presidente da República afirmou hoje que "é evidente" que o país gostaria de ter mais turistas britânicos e que está a acompanhar "o que se passa com o Turismo" e "em particular" a situação britânica.

20h40 - A Madeira registou três novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, elevando para 10 o número de doentes ativos e para 105 o total registado no arquipélago, indicou hoje o Instituto de Administração da Saúde (IASAÚDE).

20h20 - Com 1.130 casos confirmados, França registou a maior subida de novas infeções desde o final de maio.  No total, o país acumula 180.528 casos do novo coronavírus e 30.192 mortos.

20h00 - A prefeitura de São Paulo, a maior cidade do Brasil, anunciou hoje o adiamento do Carnaval de rua e dos desfiles das escolas de samba em 2021 devido à pandemia do novo coronavírus.

19h20 - Momento de descontração? Um homem, cuja a identidade ainda é desconhecida, passeou tranquilamente pela rua comercial mais popular de Londres, a ‘Oxford Street’, nu... com apenas uma máscara a tapar os genitais. O desfile inédito aconteceu no dia em que se tornou obrigatório o uso de máscara no Reino Unido. 

Notícias ao MinutoUm desfile insólito em Londres© Reuters

18h28 - Situação em Espanha: A Generalitat ordenou o encerramento da vida noturna em toda a Catalunha, noticia a imprensa. Em Espanha, recorde-se, foram reportados mais 922 casos positivos e  três mortes nas últimas 24 horas. Aragón, Catalunha e Madrid concentram cerca de 60% dos novos infetados

18h15 - Marcelo Rebelo de Sousa comentou esta sexta-feira as decisões do Conselho Europeu: "A Europa decidiu ser Europa, decidiu ser unida, decidiu investir para preparar a mudança para a segunda metade e final do século XXI. E Portugal tem uma oportunidade, mas uma oportunidade que é uma responsabilidade. Vai ser preciso investir e criar condições para investir. Não podemos ter investimentos de 500 milhões parados que, por razões de ordem administrativa diversa, são atrasados. Não pode ser assim nos milhares de milhões que vamos investir nos portugueses. E o dinheiro não é do Governo, do partido A ou B, é dos portugueses e é por isso necessária uma mobilização nacional. Os portugueses têm de perceber que esta oportunidade é única", disse.

18h00- Moçambique registou, nas últimas 24 horas, mais oito casos positivos de Covid-19, elevando o total para 1.590, mantendo-se com 11 óbitos, anunciou hoje o Ministério da Saúde.

17h10 - A Alemanha vai oferecer testes à covid-19 aos cidadãos alemães que regressam ao país, nomeadamente após um período de férias, e vai instalar centros de despistagem nos aeroportos para viajantes procedentes das denominadas zonas de risco

16h50 - Itália registou, nas últimas 24 horas, mais cinco mortes associadas à Covid-19 e 252 novas infeções da doença, informou a proteção civil italiana na tarde desta sexta-feira. Com esta atualização, o número total de óbitos desde o início da pandemia situa-se agora nos 35.097. Quanto aos casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus, são já 245.590.

16h40 - Espanha registou 922 casos de pessoas infetadas com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, uma ligeira baixa em relação a quinta-feira, havendo ainda mais três mortes com a doença, segundo dados do Ministério da Saúde espanhol.

16h30 - O Reino Unido reportou mais 123 mortes e 770 infeções por Covid-19 esta sexta-feira, fazendo aumentar o total de óbitos, desde o início da pandemia, para 45.677 e de infetados para perto de 300 mil (297.914). 

16h18 - No que toca ao RT (risco de transmissão), a evolução também é "muito favorável". O RT para os dias 16 - 20 julho situa-se agora, para a média nacional, nos 0.92.

Quanto à região da Área Metropolitana de Lisboa, "a incidência nos últimos sete dias registou uma variação ligeiramente mais positiva em três concelhos e a incidência nos últimos 14 dias mantém a tendência decrescente em todos os concelhos, registando agora valores entre 90 a 120 novos casos por 100 mil habitantes". Portanto, "estamos aqui perante um caminho que tem sido lento, moroso, difícil, mas, com prudência podemos dizer que começa a sugerir bons resultados".

16h15 - Marta Temido disse que a situação no país, que merece "acompanhamento", é "francamente positiva". "Significa agora que o país teve uma taxa de incidência de, nos últimos 7 dias, 15,7 novos casos por 100 mil habitantes e uma taxa de incidência nos últimos 14 dias de 37,1 novos casos por 100 mil habitantes". Estes indicadores situam o país "num padrão bastante confortável", disse, ressalvando: "embora haja ainda muito trabalho para fazer".

16h12 - No total, o país tem agora 198 surtos: 40 na região Norte, 13 na região Centro, 127 em Lisboa e Vale do Tejo, 5 no Alentejo e 13 no Algarve, detalhou Marta Temido na conferência desta sexta-feira. 

16h00 - Já começou a conferência da DGS sobre a Covid-19. Acompanhe em direto.

Sublinhando que a maioria (68%)dos mais de 13 mil casos ativos estão concentrados na área de Lisboa, a ministra da Saúde destacou que, ainda assim, este número tem vindo a reduzir. Marta Temido referiu que os números  de casos em LVT tem como "explicação parcial" situações de novos surtos como é o caso de Tomar. 

15h42 - Boletim da DGS: Portugal registou, nas últimas 24 horas, sete vítimas mortais e 313 novas infeções de Covid-19. Dos novos casos registados, 253 concentram-se em Lisboa e Vale do Tejo, ou seja, cerca de 81%. Total de óbitos, desde o início da pandemia, sobe assim para os 1.712. Os infetados são agora 49.692. Destes, 34.687 já se encontram recuperados, mais 318 nas últimas 24 h. 

15h30 - Novos surtos de Covid-19 em Espanha, Reino Unido e França, sobretudo, suscitam preocupação na Europa, confrontada com o aumento dos contágios em vários países, três meses após o continente deixar de ser o centro da pandemia no mundo.

  • ESPANHA: O número de novos contágios nos últimos dias é sete vezes superior ao registado quando, há um mês, foi levantado o estado de emergência e foram retomadas a circulação, as relações sociais e a atividade económica
  • FRANÇA: França regista nas últimas semanas um aumento de casos de infeção que levou as autoridades a emitir alertas à população para a necessidade de manter as regras de higiene e segurança que contribuem para limitar os contágios.
  • REINO UNIDO: É o país da Europa até agora com mais mortes associadas à covid-19 e o terceiro em todo o mundo, com 45.554 mortos, em quase 300.000 casos confirmados. O surto mais grave em atividade registou-se no princípio do mês na cidade de Leicester, que durante uma semana foi responsável por 10% de todos os casos em Inglaterra. As autoridades decretaram o encerramento das escolas e dos estabelecimentos comerciais não essenciais por 15 dias.

  • ROMÉNIA: A Roménia regista um forte aumento de casos, com um recorde diário de 1.112 novas infeções atingido na quinta-feira.

    Segundo o último balanço oficial, 25 pessoas morreram entre quarta e quinta-feira, num país que regista um total de mortes desde março de 2.126.

  • ALEMANHA: A Alemanha registou há duas semanas o surto mais grave, com cerca de 1.800 novos casos entre trabalhadores de um matadouro, surto já considerado controlado.

    Nas últimas 24 horas foram notificados 815 novos casos, um número moderado para um país com 83 milhões de habitantes.

15h20 - Focos de Covid-19 em Portugal:

15h20 - Portugal continua fora da lista do Reino Unido. O ministro dos Negócios Estrangeiros reagiu, no Parlamento, à decisão do Governo britânico de excluir Portugal dos destinos seguros.

"O Governo, naturalmente, lamenta a decisão das autoridades britânicas, que não está fundamentada nos factos e nos dados que são conhecidos e públicos, e aguardará que as autoridades britânicas evoluam", afirmou. De acordo com Santos Silva, o governo britânico “não foi capaz de explicar os fundamentos políticos e técnicos da decisão".

15h00 - Boa tarde. Iniciamos um novo acompanhamento. Recorde as incidências da manhã aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório