Meteorologia

  • 18 JULHO 2019
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 18º

Edição

Menino autista e cão são inseparáveis... mesmo no hospital

Amizade de vários anos ganha destaque nesta terça-feira

Menino autista e cão são inseparáveis... mesmo no hospital

James é um menino autista de 9 anos que vive na cidade de Wellington, na Nova Zelândia. Segundo o La Vanguardia, a criança não consegue falar, o que o torna bastante retraído, mesmo para com a família.

Uma situação que se altera quando James está na companhia do seu melhor amigo: Mahe, um labrador.

O cão, de pêlo negro, mantém sempre o menino em segurança e é responsável por acalmá-lo em momentos de maior stress.

A sua ligação é tão importante que até os médicos autorizaram a presença de Mahe quando James teve que ser internado para ser sujeito a diversos exames.

A vida da família mudou quando o animal chegou às suas vidas. "Não podíamos ir sequer beber um café. O James ficava muito nervoso e queria ir embora imediatamente. Mas quando o Mahe chegou, o James sentava-se com ele e esperava que acabássemos o nosso café", recorda a mãe do menino.

As fotos dos dois correram mundo e ganharam especial destaque esta terça-feira, Dia Mundial de Consciencialização do Autismo, para mostrar a diferença que os animais de companhia podem ter na vida destas crianças especiais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório