Meteorologia

  • 16 AGOSTO 2018
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 18º

Edição

Nariz sempre frio? A culpa é do stress

O stress faz muito mais do que deixar uma pessoa ansiosa e nervosa, consegue mesmo ter um impacto direto e surpreendente no corpo humano.

Nariz sempre frio? A culpa é do stress
Notícias ao Minuto

08:37 - 23/01/18 por Daniela Costa Teixeira 

Lifestyle Curiosidades

Se há palavra que define os dias de hoje é stress. Por muito que a vida esteja a correr ‘às mil maravilhas’ e tudo pareça estar controlado, eis que surge – de forma quase constante - uma causa de stress, seja à boleia da acumulação de trabalho, do chefe embirrento, do colega fofoqueiro, do filho com más notas, de uma dor nas costas que se arrasta há dias, de uma entrevista de emprego inesperada, da compra de uma casa, da simples rotina parada no trânsito. E poderíamos ficar aqui umas valentes horas a enumerar todas as potenciais causas de stress diário.

É certo e sabido que o stress tem um impacto direto e imediato na saúde humana, conseguindo afetar o bem-estar físico e emocional. Ansiedade, nervos, queda acentuada de cabelo, tiques nervosos, tensão muscular, dor de barriga e dor de cabeça são alguns dos sinais mais claros de um estado constante de stress, mas, há um outro um tanto ou quanto surpreendente.

Segundo um recente estudo da Universidade de Nottingham que o estado de stress é também facilmente espelhado… quando se tem o nariz (e o rosto) frio. Conta o The Guardian que os cientistas concluíram que tal se deve à reação do corpo humano a uma potencial situação de emergência (que é assim que muitas vezes o stress é analisado).

Na prática, durante os momentos de maior stress e tensão – vistos como perigo para o corpo humano por conta da ação dos níveis crescentes de cortisol -, o organismo humano faz com que o sangue se movimente para qualquer parte do corpo que possa necessitar de maior força e rapidez de ação (como os membros superiores e inferiores), ficando, por isso, a cara e o nariz para segundo plano.

Como nota a publicação, a longo prazo, esta forma de reação do corpo humano pode trazer consequências, uma vez que o organismo fica à mercê da ação da hormona responsável pelo stress. Entre os ‘efeitos colaterais’ mais comuns está a maior probabilidade de ficar doente – pois as defesas do sistema imunitário ficam enfraquecidas por culpa do cortisol -, o envelhecimento precoce (a nível físico, orgânico e emocional), maior ansiedade e maior dificuldade em lidar com o stress ou momentos de tensão. A pele fica também a perder e o trânsito intestinal pode ficar desregulado.

Conheça alguns sinais de que o stress o está a deixar doente.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.