Meteorologia

  • 15 OUTUBRO 2018
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 19º

Edição

Mulheres, têm aqui cinco dicas práticas para combater o stress

O ideal de perfeição que tanto procuram não existe.

Mulheres, têm aqui cinco dicas práticas para combater o stress
Notícias ao Minuto

12:30 - 16/12/17 por Notícias Ao Minuto 

Lifestyle Saúde

O stress está em todo o lado e cada vez mais presente nos pequenos momentos do dia a dia, momentos esses que outrora passavam despercebidos e em nada interferiam com o bem-estar da pessoa. Mas, nos dias que correm, o stress é parte integrante do dia a dia e elas sofrem mais do que eles.

"A mulher dos dias de hoje precisa de se mostrar como uma super-esposa, super-profissional, super-mãe. Mas essa perfeição não existe, é preciso respeitar os seus limites e adotar rotinas que melhorem o seu dia a dia", diz.

Mas além de parar de acreditar num ideal de perfeição que não existe, o stress feminino pode ser combatido com cinco simples gestos. Ei-los:

Abordar o stress de outra forma. Diz o médico que a mulher é muito mais propensa a suportar o stress do que o homem, acabando mesmo por se acomodar. "A mulher não aprendeu a desenvolver o coping, que é constatar o stress, buscar uma via de redução da ansiedade e depois tomar uma atitude consciente diante do problema. Homem stressado, por seu turno, descansa, bebe uma cerveja com os amigos, joga à bola e, se está doente, não aguenta ficar em pé. A mulher não, mesmo sob stress, tende a ‘aguentar firme’ o sofrimento e são poucas as opções de coping que realmente aliviam o stress feminino", afirma. Mas não é por serem poucas que são inexistentes. Massagens, contacto com a natureza, exercícios físico, entre outros, são algumas das alternativas.

Evitar as fontes de stress - É importante identificar comportamentos que aumentam o nível de cansaço e irritação e que acabam por dar origem ao stress. Um exemplo citado pelo médico foi o trânsito. "Se uma mulher mora num local em que precisa de atravessar a cidade para chegar ao trabalho e depois ir buscar o filho na escola e ainda se dedicar às atividades físicas, pode tentar adaptar as deslocações e manter os seus compromissos e atividades o mais próximo possível de onde passa maior parte do tempo", aconselhou.

Mudar a maneira de pensar – Para este caso, o médico citou os animais como exemplo, explicando que mesmo sabendo que podem ser caçados por outros predadores, jamais deixam de agir normalmente após situações de perigo. "A zebra, por exemplo, pode ser atacada por um leão. Corre e tenta sempre escapar da morte. Quando consegue sobreviver, a sua vida segue normalmente. Não deixa de comer pensando que pode ser atacada, não deixa de dormir com medo de se devorada. Nós, humanos, acabamos sempre presos às dúvidas e aos perigos em vez de seguir em frente. Apenas nós, humanos, pensamos sobre nossos medos. Isso é mais do que stress, é ansiedade. É preciso pensar de forma diferente".

Deixar o corpo mais resistente - Uma boa alimentação é crucial para manter o corpo preparado para situações de stress. Comer bem e dar prioridade a alimentos saudáveis ajuda a manter o corpo resistente e a evitar desgastes no sistema imunitário. Também é importante preservar hábitos adequados para garantir um bom sono.

Fazer atividades anti-stressO médico destaca que a respiração é fundamental para conseguir controlar as situações de stress diário. Exercícios físicos são recomendados e a prática da meditação é uma das grandes aliadas no combate ao stress.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório