Meteorologia

  • 17 OUTUBRO 2021
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 23º

Edição

Podemos desenvolver alergias alimentares em qualquer idade?

Numa altura em que os testes a intolerâncias e alergias alimentares invadem as clínicas um pouco por todo o mundo - transformando-se quase numa tendência global -, torna-se importante esclarecer uma das dúvidas mais comum: Podemos ficar alérgicos a alguns alimentos mesmo sendo adultos?

Podemos desenvolver alergias alimentares em qualquer idade?

A alergia alimentar é uma reação imunológica, mediada por IgE específicas [Imunoglobulina E], que ocorre após a ingestão ou contacto com um determinado alimento. A resposta do organismo ao alimento causador de alergia é imediata e até mesmo intensa, podendo ocorrer cerca de uma a duas horas após a ingestão do alimento nocivo e que é facilmente identificado.

Comummente associadas a crianças, a alergia alimentar pode, na verdade, afetar os adultos e surgir em qualquer fase da vida. Quem o diz é o médico Ruchi Gupta, autor de um recente estudo levado a cabo nos Estados Unidos e que vem reforçar algo que a ciência tenta explicar há muito: podemos ficar alérgicos a determinados alimentos mesmo quando os consumimos 'desde sempre'.

Ao The New York Times, Gupta explica que a sua investigação notou que o marisco é o alergénico mais comum dos adultos, seguindo-se o amendoim e a noz. Contudo, tal como acontece com as crianças, também os adultos tendem a desenvolver alergia a oito alimentos muito específicos: leite de vaca, ovo, trigo, soja, amendoim, frutos de casca rija, peixe e marisco (que tende a assumir-se como alergénico mais frequentemente nos adultos do que nas crianças).

Mas, porque é que podemos ficar a alérgicos a algo que sempre comemos? A ciência ainda não é capaz de dar uma resposta concreta a esta questão, contudo, Gupta destaca que alguns estudos têm mostrado que a gravidez é capaz de desencadear este 'fenómeno', podendo existir algum tipo de ligação hormonal na incapacidade de o organismo digerir algo com que toda a vida contactou.

Contudo, para se ter a certeza de que se trata de uma alergia e não de uma ligeira intolerância alimentar, é importante não só saber distinguir ambas as patologias (até porque a alergia tem sintomas imediatos bem caraterísticos), como procurar o aconselhamento de um alergologista.

E já agora, fique a par de alguns mitos e verdades sobre as alergias alimentares.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório