Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2021
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Medicamento para o mieloma múltiplo eficaz contra a Covid-19

Acredita-se que seja mais indicado para tratar o vírus SARS-CoV-2 do que o remdesivir.

Medicamento para o mieloma múltiplo eficaz contra a Covid-19

A empresa farmacêutica espanhola PharmaMar confirma que o seu medicamento - Plitidepsin - tem uma "eficácia pré-clínica potente" contra a Covid-19. O Plitidepsin é um medicamento aprovado para o tratamento do mieloma e acredita-se que seja mais indicado para tratar o vírus SARS-CoV-2 do que o remdesivir.

Segundo a Reuters, que cita  uma declaração da PharmaMar, o estudo realizado 'in vitro' e 'in vivo' por uma equipa de cientistas em Nova Iorque, São Francisco e Paris, mostrou uma redução da replicação viral, resultando numa redução de 99% das cargas virais nos pulmões de animais tratados com Plitidepsina.

O medicamento age bloqueando uma proteína humana (a eEF1A) que está presente nas células e que é usada pelo novo coronavírus para se reproduzir e infetar outras células. No artigo publicado na Science, os investigadores notam que embora a toxicidade seja uma preocupação em qualquer antiviral, o perfil de segurança da plitidepsina em humanos está comprovado.

"Acreditamos que os nossos dados e os resultados positivos iniciais do ensaio clínico da PharmaMar sugerem que a plitidepsina deve ser seriamente considerada para ampliar os ensaios clínicos de tratamento da covid-19", consideram os investigadores.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório