Meteorologia

  • 18 JUNHO 2019
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 17º

Edição

Deixar de fumar e beber quase destruiu a carreira de Michael Bublé

Confissões do próprio cantor durante uma entrevista.

Deixar de fumar e beber quase destruiu a carreira de Michael Bublé

Michael Bublé revelou que ter deixado de fumar e de consumir álcool quase levou à destruição da sua carreira. O cantor de 43 anos tomou a decisão de abandonar tais vícios em 2013, quando foi pai pela primeira vez, decisão que teve várias consequências.

“Parei tudo. Sem álcool, nem tabaco e comecei a ir ao ginásio”, revelou numa entrevista ao The Times.

“Seis ou sete meses mais tarde estava no estúdio a cantar, notei que algo não estava bem. Fui ao médico e ele percebeu que eu tinha tido uma hemorragia nas cordas vocais”, recorda.

O artista afirma que os médicos lhe disseram na altura que a mudança do seu estilo de vida poderia ter sido a responsável pelo sucedido. Mais tarde foi submetido a uma cirurgia de emergência.

Felizmente, tudo acabou em bem.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório