Meteorologia

  • 26 FEVEREIRO 2020
Tempo
15º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

Sindicato acusa Petrogal de discriminar trabalhadores em pagamento

Os trabalhadores da refinaria de Sines acusaram hoje a administração da Petrogal de só pagar o prémio de produtividade a trabalhadores filiados em sindicatos da UGT e não sindicalizados, que subscreveram o novo Acordo de Empresa (AE).

Sindicato acusa Petrogal de discriminar trabalhadores em pagamento
Notícias ao Minuto

20:42 - 04/04/17 por Lusa

Economia Produtividade

"O prémio de produtividade devia ter sido pago no final do mês de março, mas só receberam esse prémio os trabalhadores filiados em sindicatos da UGT e os cerca de 230/250 trabalhadores não sindicalizados", disse à agência Lusa o sindicalista Hélder Guerreiro, do SITESUL - Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente do Sul.

Já "os mais de 200 trabalhadores filiados em sindicatos da CGTP/IN, que não subscreveram o novo AE, não receberam o prémio de produtividade", acrescentou o sindicalista, que acusou a empresa de "discriminação" para "chantagear" os trabalhadores que não subscreveram o documento.

Hélder Guerreiro falava à agência Lusa no final de uma reunião plenária de trabalhadores da refinaria de Sines, que decidiram mandatar a comissão sindical para acompanhar outras reuniões plenárias dos trabalhadores da Petrogal, no Porto e em Lisboa, marcadas para quarta e quinta-feira.

Segundo Hélder Guerreiro, os sindicatos afetos à CGTP/IN nunca poderiam subscrever um acordo que, nos termos em que é proposto, significaria "carta-branca" à administração da Petrogal para decidir questões salariais e eventuais reduções de direitos adquiridos e que estavam consagrados no anterior acordo.

"É uma situação que já se arrasta há três anos", acrescentou o sindicalista, adiantando que os trabalhadores da refinaria de Sines poderão acompanhar eventuais formas de luta que venham a ser decididas pelas estruturas sindicais de Lisboa e Porto.

A agência Lusa contactou fonte oficial da Petrogal que recusou prestar declarações, alegando não comentar questões internas da empresa.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório