Meteorologia

  • 26 MAIO 2024
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 23º

Simab encerra 2021 com volume de negócios de 17,2 milhões de euros

O grupo Simab, gestor dos mercados abastecedores de Lisboa, Braga, Évora e Faro, encerrou o ano de 2021 com um volume de negócios de 17,2 milhões de euros e um resultado líquido de 5,7 milhões de euros.

Simab encerra 2021 com volume de negócios de 17,2 milhões de euros
Notícias ao Minuto

22:24 - 27/05/22 por Lusa

Economia Simab

Trata-se de "os melhores resultados financeiros de sempre da sua história", segundo a empresa.

"Assim, comparativamente ao ano de 2020, a par de um aumento do volume de negócios de 1,7%, os resultados traduzem um crescimento de 4,8%, tendo ainda havido uma efetiva redução da dívida financeira líquida de 16,1%", lê-se num comunicado hoje divulgado.

Citado na nota, o presidente Conselho de Administração do grupo, Jorge Reis, referiu que os resultados apresentados "são o reflexo do trabalho e empenho efetivo que tem como objetivo reforçar e potenciar a promoção, crescimento e desenvolvimento dos quatro mercados abastecedores".

"Queremos continuar a trabalhar no limite, mantendo as elevadas taxas de ocupação atuais e proporcionando às empresas que operam no interior dos nossos mercados uma cooperação constante e, obviamente, condições de trabalho cada vez mais satisfatórias e atrativas", observou.

Segundo Jorge Reis, a Simab conta com mais de 1.000 operadores "distribuídos pelos quatro mercados abastecedores que têm nas suas instalações empresas dos setores agroalimentar, de logística, distribuição e transportes, chegando a cinco milhões de consumidores finais em Portugal".

"(...) Mesmo em época de pandemia, os mercados abastecedores tiveram de garantir o seu normal funcionamento, mantendo os níveis da segurança e distribuição nas cadeias de abastecimento alimentar, reforçando assim a sua importância no contexto económico e social. Os mercados abastecedores demonstraram, assim, o seu papel decisivo e insubstituível no abastecimento das populações", lembrou.

Jorge Reis destacou também a importância de iniciativas que reforcem a grandeza dos mercados abastecedores e do desenvolvimento territorial urbano e rural sustentável, bem como na promoção da qualidade de vida das populações.

A entidade deu como exemplo a iniciativa do "Gosto do Meu Mercado" -- reconhecida a nível internacional como "Love Your Local Market" e impulsionada em vários países pela União Mundial de Mercados Abastecedores (WUWM, na sigla em inglês) --, que este ano foi coordenada e promovida pela Simab, com os seus quatro mercados e os mercados municipais de Braga, Campo de Ourique e Faro.

"Este evento teve como missão o lançamento em Portugal desta iniciativa internacional, posicionando de forma mais relevante a marca dos quatro mercados abastecedores no exterior do país", acrescentou.

Leia Também: Ir às compras está mais caro. O que impulsiona o aumento dos preços?

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório