Meteorologia

  • 25 JUNHO 2022
Tempo
23º
MIN 15º MÁX 23º

Amadora aprova relatório de contas de 2021 com receita de 360 milhões

O relatório e contas de 2021 do município da Amadora, no distrito de Lisboa, regista um resultado líquido positivo de 360,6 milhões de euros e um aumento do investimento em 7,27 milhões, foi hoje divulgado.

Amadora aprova relatório de contas de 2021 com receita de 360 milhões
Notícias ao Minuto

16:12 - 03/05/22 por Lusa

Economia Contas

O documento, referente a 2021, foi aprovado na última reunião da Assembleia Municipal da Amadora, por maioria, com os votos favoráveis dos eleitos do PS, contra da CDU, CDS-PP e Chega e abstenções dos deputados municipais do PSD, PAN e BE.

De acordo com o relatório, o município da Amadora obteve um resultado líquido positivo de 360,6 milhões de euros e conseguiu aumentar o investimento em 7,27 milhões de euros (face a 2020), destacando-se áreas como o ensino, habitação, proteção do meio ambiente e rede viária.

A autarquia da Amadora, presidida pela socialista Carla Tavares, aponta também para a diminuição em cerca de dois milhões de euros da receita de impostos diretos, originada pelas "políticas de apoio às famílias e empresas", como é exemplo a implementação do Imposto Municipal Sobre Imóveis (IMI) familiar.

O documento indica ainda que foi realizada em 2021 uma transferência de 7,1 milhões de euros para as juntas de freguesia e um apoio de mais de cinco milhões para as associações do município e para as instituições sem fins lucrativos.

Em declarações à agência Lusa, a presidente da Câmara Municipal da Amadora, Carla Tavares (PS), afirmou que "o exercício de 2021 continuou a ser, profundamente, influenciado pelo combate à pandemia", mas que o município "foi capaz de promover o apoio necessário à população".

"O ano de 2021 foi um ano desafiante, muito centrado no combate à pandemia e no apoio às famílias e empresas do concelho. Ainda assim, não deixámos de cumprir com o plano de ação da autarquia, com um grande enfoque na intervenção no espaço público, só possível fruto de uma gestão rigorosa e de um equilíbrio financeiro", sublinhou a autarca.

O executivo da Amadora é composto por sete eleitos do PS (incluindo a presidente), três da coligação Dar Voz à Amadora (PSD/CDS-PP/Aliança/MPT/PDR) e um eleito da CDU.

Leia Também: IL questiona Governo sobre situação financeira e contas da Parque Escolar

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório