Meteorologia

  • 18 OUTUBRO 2021
Tempo
18º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

PSI20 segue em alta com ações da EDP Renováveis a comandarem ganhos

A bolsa de Lisboa mantinha-se em alta, alinhada com a tendência das principais congéneres europeias, com as ações da EDP Renováveis a avançarem perto de 3%.

PSI20 segue em alta com ações da EDP Renováveis a comandarem ganhos
Notícias ao Minuto

10:12 - 17/09/21 por Lusa

Economia PSI20

Na quinta-feira, o principal índice, o PSI20, encerrou com uma descida de 0,20% para 5.337,34 pontos, em contraciclo com a tendência das bolsas europeias.

Hoje, pelas 09:30, o PSI20 seguia em alta de 0,62% para 5.370,21 pontos, com 10 ações a subir, quatro em baixa e três inalteradas.

A EDP Renováveis comandava os ganhos, com as ações a avançarem 2,67% para 22,30 euros, seguida dos CTT com uma subida de 1,05% para 4,82 euros.

O BCP seguia em alta de 0,54% para 0,13 euros e a EDP avançava 0,41% para 4,66 euros, seguida das ações da Jerónimo Martins que subiam 0,20% para 17,75 euros.

A Corticeira Amorim e a Mota Engil eram as ações que mais caíam, com descidas de 0,85% e 0,14% pela mesma hora.

A Galp, por sua vez, seguia em queda de 0,12% para 8,39 euros.

As bolsas europeias seguiam hoje em alta, com os investidores animados após a publicação das vendas a retalho e dos pedidos de desemprego nos EUA.

As vendas do comércio retalhista nos EUA em agosto foram superiores às expectativas, com um aumento de 0,7%, quando os analistas previam uma contração e a atividade industrial na região de Filadélfia, acelerou em setembro, também para surpresa dos analistas.

Por outro lado, a subida verificada nas inscrições semanais no desemprego ficou a dever-se ao registo das inscrições não efetuadas no final de agosto, por causa do furacão Ida, que atingiu o Estado de Luisiana.

A volatilidade do mercado explica-se pela proximidade de uma sessão designada como a das "quatro bruxas", quando terminam vários contratos no mercado de futuros e opções, o que leva a reposicionamentos dos investidores, provocando movimentos nada habituais.

A par disso, as praças asiáticas registaram ganhos, com as tecnológicas chinesas a ganhar força pela primeira vez esta semana, o que poderá contagiar os investidores na Europa.

O euro seguia a negociar nos 1,177 dólares.

Já o crude Brent, de referência na Europa, estava a cair 0,22%, para os 75,50 dólares.

Leia Também: PSI20 cai 0,20% em contraciclo com a Europa

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório