Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Bolsas europeias em alta, em sessão sem referências macroeconómicas

As principais bolsas europeias abriram hoje em alta, numa sessão em que não se espera a divulgação de indicadores macroeconómicos relevantes.

Bolsas europeias em alta, em sessão sem referências macroeconómicas
Notícias ao Minuto

09:18 - 24/05/21 por Lusa

Economia mercados

Cerca das 08:45 em Lisboa, o EuroStoxx 600 avançava 0,11% para 444,92 pontos.

As bolsas de Londres e Paris subiam 0,19% e 0,29%, bem como a de Madrid, que se valorizava 0,19%. Milão era a exceção, já que descia 0,25%, e Frankfurt vai permanecer fechada devido ao feriado de Segunda-feira de Pentecostes.

Depois de abrir em baixa, a bolsa em Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 08:45, o principal índice, o PSI20, recuava 0,13% para 5.264,93 pontos.

Nos Estados Unidos, os investidores vão estar hoje pendentes das negociações sobre o plano de infraestruturas norte-americanas, que entra numa nova fase depois de o Governo de Joe Biden ter aceitado a cortá-lo drasticamente -- de 2,25 para 1,7 biliões de dólares -- para alcançar um acordo com os republicanos.

Neste contexto, os juros da dívida soberana dos EUA estavam hoje em baixa, em cerca de 1,618%, bem como os das dívidas soberanas europeias, que registavam uma queda generalizada.

A bolsa de Nova Iorque terminou mista na sexta-feira, com o Dow Jones a subir 0,36% para 34.207,84 pontos, contra o atual máximo de sempre desde que foi criado em 1896, de 34.777,76 pontos, registado em 07 de maio.

Em sentido contrário, o Nasdaq fechou a desvalorizar-se 0,48% para 13.470,99 pontos, contra o máximo de 14.138,78 pontos, registado em 26 de abril.

A nível cambial, o euro abriu em alta no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,2195 dólares, contra 1,2182 dólares na sexta-feira e o atual máximo desde maio de 2018, de 1,2300 dólares, em 05 de janeiro.

O barril de petróleo Brent para entrega em julho abriu também em alta no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, a cotar-se a 67,10 dólares, contra 66,44 dólares na sexta-feira e o máximo dos últimos seis meses, de 69,46 dólares em 17 de maio.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório