Meteorologia

  • 19 FEVEREIRO 2020
Tempo
14º
MIN 7º MÁX 19º

Edição

DGC fiscalizou mais de mil mensagens publicitárias (e abriu 40 processos)

A Direção-Geral do Consumidor acompanhou, essencialmente, contas de criadores de conteúdo.

DGC fiscalizou mais de mil mensagens publicitárias (e abriu 40 processos)

A Direção-Geral do Consumidor (DGC) fiscalizou durante o ano passado 707 sites da Internet e oito revistas, tendo avaliado o teor de 1.042 mensagens publicitárias, que resultou na abertura de 40 processos de contraordenação, foi anunciado esta quinta-feira. 

"As fiscalizações realizadas visaram mensagens publicitárias referentes a igualdade de género, jogos online, viagens de finalistas, brinquedos, tabaco, bebidas alcoólicas, tarifas aéreas e publicações na rede social Instagram", pode ler-se num comunicado do gabinete do Ministro de Estado, da Economia e Transição Digital, ao qual o Notícias ao Minuto teve acesso.  Só em dois meses foram observadas mais de 400 contas de Instagram, "foram acompanhadas contas de criadores de conteúdo nas áreas de Culinária, Família, Lifestyle, Maternidade, Negócios, Entretenimento, Viagens, Nutrição e Figuras Mediáticas, verificando-se que, em alguns casos, não estava identificado, de forma clara e inequívoca, o conteúdo comercial das comunicações", pode ler-se.  De sublinhar que a DGC publicou, em março do ano passado, um guia informativo, "desenvolvido com vários intervenientes na comunicação digital, que explica que a identificação da publicidade é obrigatória e que uma publicação nas redes sociais pode ser considerada comunicação comercial", refere. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório