Meteorologia

  • 27 MAIO 2022
Tempo
32º
MIN 16º MÁX 35º

Direção distrital da União de Sindicatos de Lisboa está rejuvenescida

O secretário-geral da CGTP defendeu hoje que a nova direção distrital da União de Sindicatos de Lisboa (USL), eleita no congresso desta estrutura, está renovada e rejuvenescida, vincando que a união deve continuar a ser interventiva.

Direção distrital da União de Sindicatos de Lisboa está rejuvenescida

"Em relação à nova direção distrital, o que se verificou foi uma renovação e rejuvenescimento que faz parte do que é determinado também pela CGTP", afirmou à Lusa Arménio Carlos, no final do XII Congresso da União dos Sindicatos de Lisboa (USL/CGTP-IN).

Na sexta-feira, dia em que teve início o congresso, Libério Domingues foi reeleito coordenador da União dos Sindicatos de Lisboa (USL), com 99% dos votos expressos pelos participantes no encontro da estrutura sindical da CGTP, em Lisboa.

De acordo com fonte da USL, a lista eleita contou com dois votos brancos.

A média de idades dos eleitos é de 49 anos, 65,9% são homens e 34,1% são mulheres.

Esta estrutura sindical distrital da CGTP tem representados na sua direção 26 sindicatos.

Entre os eleitos, que vão desempenhar funções no quadriénio 2019/2023, encontram-se Ágata dos Reis Branco (STAL - Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local e Regional), António Silva Quitério (SPGL -- Sindicato dos Professores da Grande Lisboa), Helga Correia Soares (SNTCT -- Sindicato Nacional dos Trabalhadores dos Correios e Telecomunicações), Mário Ilhéu Condessa (SITE-CSRA - Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente do Centro Sul e Regiões Autónomas), Sara Ferreira Gligó (STRUP - Sindicato dos Trabalhadores de Transportes Rodoviários e Urbanos de Portugal) e Vítor Correia (SINTTAV -- Sindicato dos Trabalhadores das Telecomunicações e Audivisual).

"Valorizamos muito o trabalho dos companheiros que nos deixam do ponto de vista da responsabilidade de direção política e sindical por limites de idade e outros questões relacionadas com a atividade profissional, mas também saudamos, de forma particular, os homens e mulheres que assumiram estas novas responsabilidades", sublinhou hoje Arménio Carlos.

De acordo com o sindicalista, esta união, sendo a maior da CGTP, tem que continuar "a dar um contributo fundamental [...] para a intervenção no quadro da sociedade e na defesa dos direitos dos trabalhadores.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório