Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2019
Tempo
20º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

Madeira alarga modelo do apoio a ligações aéreas com o Porto Santo

O Conselho do Governo da Madeira decidiu hoje alargar o modelo de pagamento antecipado do subsídio de mobilidade nas ligações aéreas com o Porto Santo para combater a sazonalidade da ilha, anunciou o vice-presidente.

Madeira alarga modelo do apoio a ligações aéreas com o Porto Santo
Notícias ao Minuto

14:37 - 14/08/19 por Lusa

Economia Transportes

Pedro Calado, o porta-voz da reunião semanal do executivo madeirense, acrescentou que foram aprovada as minutas de protocolo que têm por objeto a cooperação técnica e financeira necessária para concretizar o modelo de pagamento nestas viagens.

"O que se pretende é potenciar os madeirenses de um subsídio social de mobilidade aéreo e marítimo para desenvolver a economia local do Porto Santo", apontou o responsável.

O governante explicou que esta medida passa por "alargar para o transporte aéreo" este subsídio, visto que este tipo de ligações são mais caras que as marítimas.

"Queremos dar algum apoio para que mais pessoas possam visitar o Porto Santo e quebrar a sazonalidade" que afeta aquela ilha, declarou, realçando que, entre 2016 e 2019, foram investidos mais de três milhões de euros em ajudas no transporte marítimo.

O governante insular salientou que outro objetivo é "desburocratizar todo o sistema", sendo apenas necessário que as pessoas façam o respetivo registo, inserindo os seus dados pessoais para ter acesso ao apoio na aquisição da viagem.

Pedro Calado mencionou que o apoio é de 25 euros para as ligações marítimas e de 50 euros para as viagens aéreas, vigorando a medida entre outubro e junho.

"Não contempla os meses de verão", informou, apontando que, nessa altura, o Porto Santo é muito procurado em "termos turísticos" e o objetivo é combater a sazonalidade da ilha.

O vice-presidente destaca que o Governo Regional aposta em "equilibrar e fazer com que mais pessoas possam visitar o Porto Santo".

"Esta é uma medida positiva e estamos também a promover a ilha em termos turísticos, económicos e sociais, o que era um objetivo estratégico do Governo Regional", afirmou.

O conselho do executivo madeirense ainda expropriou por cerca de 92 mil euros duas parcelas de terreno referentes à construção da via rápida Funchal/Aeroporto.

Também ratificou a versão final da primeira revisão do Plano Diretor de São Vicente, concelho no norte da ilha da Madeira

O Governo Regional decidiu igualmente atribuir apoios na ordem dos 50 mil euros a várias associações para desenvolvimento de atividades desportivas e culturais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório