Meteorologia

  • 25 OUTUBRO 2021
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 23º

Edição

"Somos claramente mais fortes com Pedro Gonçalves"

Treinador do Sporting lançou jogo com o Belenenses.

"Somos claramente mais fortes com Pedro Gonçalves"

Rúben Amorim esteve, esta quinta-feira, em conferência de imprensa para fazer o lançamento do jogo com o Belenenses, agendado para amanhã, sexta-feira, e referente à 3.ª eliminatória da Taça de Portugal. 

Sarabia e Pote: "São compatíveis. Mesmo que tivessem o mesmo pé. São diferentes e jogadores de grande qualidade. São sempre compatíveis, mas não têm lugar garantido. Há muitos jogos pela frente. Ambos têm golo, qualidade, assistências, mas têm que merecer para ter um lugar no onze. Quem trabalhar mais, vai jogar."

Rodrigo Ribeiro convocado?: "Não. Ainda não vai a jogo.  Temos um trabalho na formação. Dei um exemplo porque foi um miúdo que me chamou a atenção. Eu gosto de transmitir isto a eles. Se têm um bom comportamento, gosta de dar estas pequenas recompensas. Não está convocado. O Neto tem um desconforto e temos que fazer a gestão. Temos poucos centrais, temos que fazer essa gestão."

Jovane: "O Jovane é um jogador que teve um crescimento com muitas lesões. Temos feito essa gestão. O crescimento é bom, a sua disponibilidade para jogar e treinar aumentou muito. O Jovane começou bem a época. Foi o jogador mais importante quando voltámos da pandemia. É um jogador algo irregular nas suas exibições, mas tem muito talento. Este é um jogo para ganhar e eles ganharam o lugar durante a semana. Vão jogar aqueles que estiveram melhor durante a semana."

João Palhinha: "É normal. Ele vem a crescer desde o Braga. Marca golos de bola parada, sente-se confortável a jogar sozinho porque consegue chegar a todo o lado. O Matheus Nunes é um miúdo muito divertido que tem noção que podia estar a trabalhar na padaria e agora está na seleção nacional. Ou seja, tudo para ele é positivo. Têm que trabalhar muito. O Palhinha pode melhorar muito na seleção, no Sporting e nos jogos europeus. Não esquecer que o Palhinha não tem assim tantos jogos na Champions. Estão bem, mas há muito para melhorar." 

Sporting dependente de Pote?: "Penso que a equipa não está dependente dele, mas é mais forte com ele porque tem características únicas. Vinha de um bom momento, a marcar muitos golos. Mas o Sporting não depende do Pote. Não ganha na Liga dos Campeões, mas não sei se ganharia com Pote dentro de campo. Não foi por aí. Teve mais a ver com o treinador e a forma como encarámos os dois jogos. Agora, claro, é uma boa notícia. Pelo espírito e pela qualidade. Obviamente que sentimos a falta dele, mas agora tem que lutar e ganhar o lugar dele. Somos claramente mais fortes com Pedro Gonçalves."

Receita para o jogo: "O principal é ganhar o jogo. Vamos apresentar uma equipa forte. Vamos ter um mês sem folgas, com jogos atrás de jogos. Todos os jogadores do Sporting têm que estar preparados para vencer todos os jogos. Vamos dar alguns minutos a quem não tem tido tanto tempo de jogo e há jogadores que vão jogar porque precisam de jogar. Sabemos o mês que vem aí. É um misto de todo."

Pote: "Ninguém tem lugar garantido. É um jogador que está a recuperar. Vai ser opção e iniciar o jogo. Falando do Inácio, que está apto, ontem sofreu um toque no pé. Teve azar. Podem jogar os dois, mas vamos ver. O Pote é certo, o Inácio não sabemos porque não queremos arriscar."

Passado como jogador do Belenenses: "É especial porque tenho muitas memórias do clube e do estádio. Fomos à Liga Europa, jogámos com o Bayern Munique na pré-eliminatória... Era um clube que começou aí a atravessar alguns problemas. Até lá, com o Sequeira Nunes, foi sempre um clube muito cumpridor. É um clube histórico. Tenho boas memórias, mas acho que já não está lá muita gente do meu tempo. É um clube que teve que descer, tem que subir e agora é complicado porque há o CNS e a Liga 3, mas tem condições. Está num sítio muito bom, as piscinas, a bomba de gasolina... É um clube com nome e adeptos e tem tudo para subir. Tem condições diferente dos outros. Tem tudo para voltar para onde merece".

Jovens que estiveram a treinar neste período: "Aproveitamos sempre para ver alguns jogadores. Temos miúdos com bastante talento que têm que dar passos em frente na formação. Vimos jogadores com Rodrigo Ribeiro, com 16 anos, que é muito novo mas cheio de talento. Vamos vendo alguns jogadores, como aconteceu com o Dário. Eles sabem que têm que aproveitar as oportunidades. Estamos sempre atentos."

Regresso à competição: "É um jogo da Taça no qual somos candidatos a vencer a competição. É um objetivo que temos. Temos a mesma vontade de vencer a Taça de Portugal como a Taça da Liga. Isto é o Sporting. É uma equipa de divisão inferior e o que passamos aos jogadores é que depende da forma como vamos encarar o desafio. Demos o exemplo de há dois anos, com o Alverca. O Sporting foi eliminado nesse ano. Depende mais de nós do que o adversário, sabendo que do outro lado está um clube histórico e com um estádio bom para se jogar. Há estádios mais complicados para se jogar, mas este é estádio de I Liga. Isso também ajuda. Tivemos sorte nesse aspeto e temos uma viagem curta. Temos tudo para ganhar." 

Leia Também: Luís Neto quer acabar carreira ao serviço do Sporting

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório