Meteorologia

  • 25 JULHO 2021
Tempo
21º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

"Desafiar fados e vendavais traiçoeiros": Irmão dedica texto a Varandas

João Pedro Varandas homenageou o presidente do Sporting e os "seus irmãos de armas".

"Desafiar fados e vendavais traiçoeiros": Irmão dedica texto a Varandas

João Pedro Varandas recorreu, esta quarta-feira, às redes sociais para dedicar um extenso e emotivo texto ao irmão, Frederico Varandas, e aos "seus irmãos de armas", no seguimento da conquista do título de campeão nacional pelo Sporting.

Na mensagem, intitulada "Há viagens que se tornam epopeias", João Pedro Varandas escreve que "há viagens irrepetíveis que vão para lá do horizonte, que vão para lá da esperança", enaltecendo, não só os feitos, como também as batalhas travadas pelo líder leonino.

Eis o texto, na íntegra:

Há viagens que valem mais do que o destino. Há viagens irrepetíveis que vão para lá do horizonte, que vão para lá da esperança. Há viagens que se tornam epopeias. 

É a memória do ponto de partida, quando se deixou a terra firme. E depois do saque, das pilhagens e das feridas fundas que nos vitimizaram e nos tiraram o chão, havia que navegar outra vez.

É o cepticismo dos descrentes que nos vêem partir no momento em que tudo começa. É a miséria humana dos boicotes levados a cabo por armadores frustrados e sem escrúpulos. É a desolação dos que percebem que mapas obsoletos não serão usados. É o peso das traições dos que minam a rota. É a desonra dos mercenários que, sem benesses, ao serviço de armadores ultrapassados, querem o naufrágio. É a condescendência dos cínicos que acenam, lentamente, na despedida, quando deixamos o cais e nos afastamos em direcção ao olho do furacão. É a lembrança dos que, sem dimensão, viraram a cara à luta, dos que roubaram botes e, por fraqueza, medo, saltaram do barco, ainda ao largo da costa, quando a espuma do mar começou por molhar os navegantes. É lidar com a hesitação dos mais débeis, com o teatro dos fracos que se fingem fortes quando o navio é abalroado. 

É a superação épica em cada combate e em cada tempestade interminável. Já depois de rombos no casco e com as velas rasgadas. É, com menos canhões, mas com mais tenacidade em cada espada, afundar misérias e adversários. É derrotar velhos rivais e inimigos de águas profundas. É o sentido de dever cumprido no final de cada dia, ignorando o canto das sereias e o eco recorrente dos velhos do Restelo. É o crescimento na escuridão de cada noite. É desafiar vendavais e fados traiçoeiros pela madrugada fora. É virar a página coberta de granizo e escrever a lenda com sangue, suor e lágrimas.

Viagens de gente grande que se torna ainda maior.

Não é só o destino que interessa. É a firmeza no percurso. É a constância no trajecto. É a decência dos meios. É a dignidade no diário de bordo. 

É como se enfrentam – sem vacilar - ondas gigantes, piratas e trovões, raios e monstros marinhos.

É o rumo e não só. É liderança e alma. É navegar, tantas vezes com dor e em sofrimento, por entre correntes e ciclones, longe de tudo o que é calmo e pacífico. É navegar sem ilusões, ao frio e à chuva, porque nenhum porto é seguro. É a longa travessia e com quem a fazemos. É a visão e a coragem de quem vai ao leme. É a crença, a entrega e a determinação de quem segue na nau. É o espírito de corpo que prevalece num oceano revolto.

É a saudade, a angústia e a fé de quem, um pouco por toda a parte, reza, sente, chora, sorri e vibra, com o coração nas mãos, pelos nossos heróis.

Há viagens que se tornam epopeias. 

Do princípio até ao fim. Até ao fim, porque há sempre além. 

Há viagens que se tornam epopeias. 

Leia Também: Varandas agradece a colaboradores do Sporting por "conquista histórica"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório