Meteorologia

  • 07 MARçO 2021
Tempo
15º
MIN 11º MÁX 18º

Edição

Borja desperdiça nova oportunidade e 'adeus' ganha cada vez mais força

Rúben Amorim apostou no colombiano face às ausências de Luís Neto e Feddal, mas este voltou a não corresponder.

Borja desperdiça nova oportunidade e 'adeus' ganha cada vez mais força

Cristián Borja teve, na passada sexta-feira, em mãos uma oportunidade de ouro para provar a Rúben Amorim que merece deixar o lote dos 'esquecidos' em Alvalade - é um dos menos utilizados do plantel, com apenas cinco partidas somadas - mas voltou a não corresponder.

Sem Luís Neto (infetado com Covid-19) nem Zouhair Feddal (castigado após ver o quinto cartão amarelo da época), o treinador do conjunto leonino entregou ao internacional colombiano a titularidade no eixo defensivo diante do Rio Ave.

No entanto, e tal como já tinha sucedido na eliminação da Taça de Portugal, diante do Marítimo, o jogador natural de Quibdó ficou aquém das expetativas e foi um menos influentes no empate cedido em Alvalade, a uma bola.

Os vila-condenses não foram, propriamente, uma equipa atacante em Alvalade, mas a verdade é que Cristián Borja terminou os 90 minutos com apenas quatro duelos ganhos em sete disputados e um desarme, segundo os dados da plataforma SofaScore.

O internacional colombiano também não esteve, propriamente, feliz com bola. Perdeu a posse por nove vezes, falhou oito dos 61 passes ensaiados e apenas duas das sete vezes em que tentou jogar longo terminaram em sucesso.

Saída é cenário cada vez mais provável

Se jogar na ala esquerda da defesa já se afigurava como uma tarefa complicada para Cristián Borja, face à concorrência de Nuno Mendes, Antunes e agora até o adaptado Gonzalo Plata, jogar no centro também não será uma missão muito mais 'simpática'.

Zouhair Feddal deverá regressar à titularidade já na próxima terça-feira, no Clássico das meias-finais da Taça da Liga, com o FC Porto, juntando-se a Sebastián Coates no setor mais recuado do terreno, deixando apenas uma vaga em aberto.

Rúben Amorim terá, assim, de decidir entre Cristián Borja, Eduardo Quaresma (que também não encantou diante do Rio Ave) e Gonçalo Inácio (que nem chegou a sair do banco) para a partida com os dragões.

Caso lhe seja, uma vez mais, entregue a titularidade, Borja poderá ter a derradeira chance de agarrar um lugar nas opções de Rúben Amorim, numa altura em que o regresso ao Toluca vai sendo falado com cada vez maior insistência.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório