Meteorologia

  • 15 JANEIRO 2021
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 15º

Edição

Cofres cheio para afugentar UEFA: Os milhões já arrecadados pelo FC Porto

Dinheiro garantido na Liga dos Campeões pode ser uma importante ajuda no equilíbrio de contas no FC Porto.

Cofres cheio para afugentar UEFA: Os milhões já arrecadados pelo FC Porto

A UEFA comunicou, no início da presente temporada, que "o FC Porto cumpriu apenas parcialmente as metas estabelecidas para a temporada 2019/20 e, como resultado, as medidas desportivas condicionantes previstas no seu acordo, como a limitação do número de jogadores na lista A (nas competições europeias) e as restrições de transferências, continuarão a aplicar-se na temporada 2020/21".

Além da intervenção da UEFA, o Relatório e Contas de 2019/20 trouxe a informação que a SAD azul e branca teve um prejuízo de 116,16 milhões de euros. Perante este cenário, o FC Porto sabia que era urgente que vários milhões entrassem nos cofres e, por isso, contabilizou algumas vendas importantes após o encerramento do exercício de 2019/20, como garantiu Pinto da Costa.

Os dragões fizeram, em transferências, 77,5 milhões de euros que já não contaram para o Relatório e Contas, e na Europa estão de vento em pompa na Liga dos Campeões, o que permitiu garantir já outro importante encaixe. A campanha do FC Porto em 2020/21 já fez os dragões amealhar mais de 60 milhões de euros.

Vamos às contas na Europa

Só pela entrada na fase de grupos, o FC Porto ganhou 41,85 milhões de euros. Depois, é preciso contabilizar as vitórias e empates referentes aos jogos da fase de grupos. Até aqui, os azuis e brancos contam com três vitórias, o que equivale a 8,1 milhões de euros, e o empate frente ao City fez entrar mais 900 mil euros nos cofres da SAD.

Um nulo na passada terça-feira que garantiu, ainda, o apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões. O que se traduz em mais um encaixe de 9,5 milhões de euros. Feitas as contas, o FC Porto na edição 2020/21 já garantiu a entrada de 60,35 milhões de euros nos seus cofres.

Um valor que já não está longe do recorde alcançado em 2018/19, temporada em que os dragões amelharam nada mais, nada menos, do que 79 milhões de euros. Nunca um clube português tinha garantido um encaixe desta envergadura. Nessa época, o FC Porto somou 16 pontos na fase de grupos e atingiu os quartos de final da liga milionária, já com Sérgio Conceição no comando técnico da equipa.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório