Meteorologia

  • 16 JUNHO 2019
Tempo
21º
MIN 19º MÁX 24º

Edição

Benfica - Não perca os últimos golos e lances polémicos

Mais vídeos

Pizzi abre o livro: Do melhor passe para golo à mensagem de Lage

Médio encarnado feliz pela conquista do campeonato.

Pizzi abre o livro: Do melhor passe para golo à mensagem de Lage

Pizzi foi um dos jogadores em maior evidência na campanha do Benfica em 2018/19 que terminou com a conquista do campeonato. O médio português, que foi na quarta-feira eleito pela UEFA como o melhor jogador da Liga portuguesa, concedeu uma entrevista à BTV na qual abordou vários temas. 

Questionado sobre o papel preponderante que teve na equipa das águias ao longo da temporada, Pizzi não esconde que gosta mais de assistir do que marcar e afirma ser algo que já faz parte do seu ADN. 

"Obviamente que as assistências já fazem parte do meu ADN, porque é uma coisa que eu gosto de fazer dentro de campo. Eu costumo dizer que prefiro mais fazer assistências do que golos, porque, como já disse, faz parte de mim, sempre gostei muito de assistir os meus companheiros, e é claro que fico muito feliz pela quantidade de assistências que acabei por realizar, mas também porque essas assistências nos levaram à Reconquista", começou por dizer, em declarações reproduzidas pelo site do Benfica. 

Convidado a escolher o melhor passe para golo, Pizzi não tem dúvidas em escolher apenas um. Aconteceu no Estádio do Dragão aquando a visita do Benfica ao rival FC Porto que terminou com uma vitória encarnada (2-1). 

"O melhor passe para golo foi aquele no Estádio do Dragão, aquele para o Rafa [1-2] porque foi uma assistência bonita, que acabou por nos dar uma vitória importantíssima e foi um momento marcante na nossa época, porque foi naquele momento que passámos para o 1.º lugar, a depender apenas de nós para conquistar o título. Foi uma assistência muito bonita que acabou por nos ajudar a conquistar uma vitória num campo muito difícil e contra um rival direto", confidenciou.  

Pizzi recordou ainda a chegada de Bruno Lage ao comando técnico do Benfica, numa altura em que os encarnados estavam a sete pontos do rival FC Porto, revelando ainda o teor da primeira mensagem do técnico encarnado. 

"Ele disse-nos que, além de ver grandes jogadores, queria ver os homens que estavam dentro daquele balneário, porque ele já sabia que éramos todos grandes jogadores, que tínhamos muita qualidade, mas queria ver o homem que estava dentro de cada um de nós. Pediu para apelarmos ao nosso caráter, ao nosso orgulho, à nossa atitude para conseguirmos dar a volta por cima. Foi essa mensagem que acabou por ter um peso muito importante para nós", rematou Pizzi. 

Não perca as notícias do Benfica.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório