Meteorologia

  • 22 MAIO 2024
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 22º

Coldplay trazem a Coimbra fãs de todo o país e... arredores

Todos os caminhos, de norte a sul do país, inclusive da vizinha Espanha, vêm dar a Coimbra, onde os Coldplay dão hoje o primeiro de quatro concertos e para o qual vários fãs pagaram mais de 200 euros de entrada.

Coldplay trazem a Coimbra fãs de todo o país e... arredores
Notícias ao Minuto

17:08 - 17/05/23 por Lusa

Cultura Coldplay

No dia em que completa o seu 15.º aniversário, Francisca Tarujo recebeu o melhor presente de sempre: assistir ao concerto da banda britânica, da qual diz ser "super fã".

"It's my birthday. Kika", lê-se num cartaz que trouxe de Espinho, na esperança de ouvir Chris Martin cantar-lhe os parabéns.

Vestida a rigor, com um top preto de lantejoulas e uns brilhos colados por cima dos seus olhos azuis, decidiu vir "brilhosa, porque os Coldplay é só brilho", gracejou.

O sorriso é hoje largo, mas a mãe, Joana Balono, recordou as lágrimas de desilusão da filha, depois de não conseguir comprar bilhetes, após várias horas numa fila, madrugada dentro.

"Conseguimos comprar bilhetes mais tarde e viemos as duas. Cada bilhete custou 230 euros", revelou, acrescentando que a chegada a Coimbra, durante a manhã, foi tranquila, tendo conseguido facilmente estacionar num dos parques identificados.

A poucos metros do Estádio Cidade de Coimbra, a agência Lusa encontrou também uma família de quatro -- os pais e duas filhas -- todos eles envergando a mesma t-shirt branca alusiva aos Coldplay.

"São a minha banda número um", atirou José de Rodrigues, que pagou perto de 900 euros para trazer a família de Viseu a Coimbra.

As férias serão "mais comedidas", mas "vale bem a pena", vincou, lembrando a noite inteira que a filha mais nova passou numa fila para assegurar os bilhetes de entrada.

A loucura pela banda britânica trouxe um grupo de oito espanhóis a Coimbra, que garantiram "amar Portugal e as portuguesas", o que fez com que já tivessem passado férias no país por "30 a 40 vezes".

O grupo era para ser de 12, mas quatro acabaram por não conseguir vir e "venderam muito facilmente os seus bilhetes".

"Uns vieram para ficar dois dias, outros cinco. Ficamos a dormir em Cantanhede, porque em Coimbra era muito caro e assim pagamos 70 euros por pessoa", referiu Sérgio Martinez.

Às imediações do estádio chegaram de táxi e o almoço foi uma espécie de piquenique, ficando para os dias seguintes uma visita à Universidade de Coimbra, a Aveiro e ao Porto, antes de regressarem à Corunha.

Quando ainda faltam algumas horas para a banda britânica subir ao palco, os fãs vão-se aglomerando e fazem uma espécie de aquecimento às suas vozes.

A guardar os primeiros lugares estão cinco adolescentes, familiares e amigas de Coimbra e Aveiro, que tentavam afinar as vozes repetindo algumas letras das canções dos Coldplay.

"Não sabemos as letras todas, mas vai ser muito divertido", asseguraram.

Natural de Gouveia, Miguel Rebelo vai ver pela terceira vez a banda de Chris Martin e companhia, que ouviu pela primeira vez há 23 anos, em Paredes de Coura.

"Conheci a banda por acaso, quando eram uns ilustres desconhecidos e adorei. Por isso, acabei por ir vê-los ao Dragão em 2012 e estou aqui hoje", justificou.

E quando voltarem a Portugal, "estarei novamente na primeira fila".

O Estádio Cidade de Coimbra acolhe hoje, quinta-feira, sábado e domingo, a banda liderada por Chris Martin, que juntará mais de 200 mil pessoas nos quatro concertos previstos.

A passagem pela cidade conimbricense marca o início da digressão mundial da banda "Music of the Spheres", que segue por Espanha, Itália, Suíça, Dinamarca, Suécia e Holanda, além dos espetáculos no Reino Unido (em Manchester e Cardiff).

Leia Também: Euforia pelos Coldplay. Há quem tenha dormido às portas do Estádio

Recomendados para si

;
Campo obrigatório