Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2021
Tempo
23º
MIN 17º MÁX 23º

Edição

Lar Decoração Decoração industrial: Transforme a s...

Decoração industrial: Transforme a sua casa em cinco passos

Sabe aquela decoração que consegue ser sofisticada e ter um toque rústico ao mesmo tempo? Descubra com a mediadora imobiliária Zome as características principais do estilo industrial e saiba como pode começar a aplicá-lo na sua casa.

Decoração industrial: Transforme a sua casa em cinco passos

Há quem considere que as combinações de materiais pesados característicos de espaços industriais, como o ferro, metal, as tubagens e o cimento, chega apenas às casas dos mais arrojados. Mas de acordo com a mediadora imobiliária Zome, com a nova realidade pós terceira revolução industrial, passou a ser comum transformar armazéns e espaços destinados a guardar materiais, em casas, conservando as suas características originais de construção.

"O melhor do estilo industrial é a mistura de materiais de diferentes texturas, formatos e cores ajudando muitas vezes a renovar espaços de forma mais acessível", sustenta a agência. Assim, descubra as características principais deste estilo e saiba como aplicá-lo na sua casa.

Cores

Preto, cinza e branco dominam grande parte dos espaços decorados segundo este estilo, revela a Zome. Já as cores vivas são utilizadas em apontamentos decorativos ou até mesmo em móveis como sofás ou cadeiras.

Tubagens, fios e instalações

Para o estilo industrial, os materiais de construção contam muito, sublinhe-se. As tubagens visíveis no teto e nas paredes, de cobre ou pintadas de preto, por exemplo, são características statement desta decoração. "O que para muitas pessoas não é estético, no estilo industrial é aproveitado para decorar os espaços de forma original", revela a Zome.

Assim, neste tipo de decoração, o mais comum é fazer o aproveitamento das instalações de água, gás, ar condicionado e eletricidade. Para isso, basta pintar, dar asas à criatividade e escolher uma disposição para a aplicação destes tubos e fios.

Cimento queimado, betão e tijolos

De acordo com a Zome, a inspiração nos espaços industriais está muito presente nas paredes de tijolos e no efeito de cimento queimado.

O cimento queimado enquadra bem em qualquer espaço da casa, desde a cozinha à sala, encaixando na perfeição numa casa de banho e até num quarto, faz notar a agência. Já a parede de tijolos retangulares e mais frequentemente de cores quentes alaranjadas, são mais utilizados nas salas de estar e em corredores, por exemplo.

Portas e janelas

Os espaços ganham equilíbrio de luz e de cores graças às portas e janelas de grandes dimensões. Ao garantir uma iluminação natural e uma maior ventilação, poderá ser a ajuda que precisa para dar uma sensação de maior amplitude das divisões.
 
Móveis robustos

O estilo industrial pede a combinação de materiais de longa durabilidade, como o cimento, couro e metais, de forma a valorizar as estruturas retas e mais sóbrias.

Para a Zome, é comum existir a mistura de diferentes peças de mobiliário que ajudam a dar um ar mais descontraído aos ambientes e acrescentando um toque vintage aos espaços. Assim, opte por cadeiras de cores e feitios diferentes que são um excelente exemplo destas combinações.

Leia Também: Eis a peça de decoração que nunca passa de moda, segundo os designers

Campo obrigatório