Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2019
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 24º

Edição

Autárquicas: Passos Coelho avisa que eleições não são "favas contadas"

Vila Pouca de Aguiar, 28 jul - O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, deixou hoje um aviso aos que pensam que as autárquicas são "favas contadas" e que podem abrir uma crise política dentro de uns meses com o resultado das eleições de setembro.

Autárquicas: Passos Coelho avisa que eleições não são "favas contadas"
Notícias ao Minuto

18:00 - 28/07/13 por Paula Lima

Última Hora

Vila Pouca de Aguiar, 28 jul - O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, deixou hoje um aviso aos que pensam que as autárquicas são "favas contadas" e que podem abrir uma crise política dentro de uns meses com o resultado das eleições de setembro.

Passos Coelho, na Festa de Verão do PSD de Vila Real, em Pedras Salgadas, concelho de Vila Pouca de Aguiar, e debaixo de chuva intensa, justificou aos militantes e simpatizantes sociais-democratas a prioridade que deu, nestes dois anos, à execução do programa de assistência económica e financeira.

No entanto, frisou que agora se inicia um "novo ciclo" para o país e para o partido.

O PSD "não entrega o jogo político, o PSD não desiste de lutar por Portugal e de mostrar que o esforço que vimos fazendo terá uma boa resposta do Governo e dos portugueses", disse Pedro Passos Coelho, salientando que o partido vai às eleições autárquicas de "cabeça bem erguida".

"E iniciaremos este novo ciclo político a pensar no nosso país, mostrando aos portugueses que quem faz o que deve não teme e iremos ao encontro dos portugueses porque não os receamos e sabemos que temos boas contas a prestar", sublinhou.

Na ocasião, deixou um aviso para que se "desenganem os que pensam que isso das eleições autárquicas são favas contadas e que podem abrir uma crise política dentro de uns meses com o resultado das eleições".

Por sua vez, na sua primeira intervenção como coordenador permanente da Comissão Política Nacional e porta-voz do PSD, Marco António Costa, referiu ser uma "particular honra" dar o arranque no distrito de Vila Real ao novo ciclo político que se encerrará com as eleições legislativas em 2015.

"Acho que é muito promissor que se abra aqui a preparação de um novo ciclo político para voltar a reeleger Pedro Passos Coelho como primeiro-ministro de Portugal", salientou.

Para os que julgam que o PSD vai a eleições com medo, Marco António Costa salientou que "estão verdadeiramente enganados" e que está "longe de estar definido o desfecho do ciclo político".

O coordenador do partido lembrou o trabalho feito por Jorge Moreira da Silva, que tratou de "assegurar" que o PSD apresenta em todo o país os "melhores".

"Nós estamos preparados para disputar palmo a palmo, sob o ponto de vista eleitoral, as próximas eleições autárquicas, europeias e legislativas", frisou.

PLI // JLG

Noticias Ao Minuto/Lusa

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório