Meteorologia

  • 17 ABRIL 2024
Tempo
25º
MIN 14º MÁX 28º

Especialista britânico alerta para facilidade de falsificar sons com IA 

O antigo diretor executivo do Centro Nacional de Cibersegurança britânico Ciaran Martin alertou hoje que é mais fácil falsificar um som do que um vídeo com Inteligência Artificial e que a comunicação social deve estar muito atenta.

Especialista britânico alerta para facilidade de falsificar sons com IA 
Notícias ao Minuto

21:00 - 21/02/24 por Lusa

Tech IA

"Não devia fazer publicidade a isto, mas é fácil descarregar programas que nos permitem colocar a voz de alguém e fazer um bom 'deepfake'", afirmou hoje, durante uma palestra na Regent's University em Londres.

Já os vídeos, explicou, "é muito mais difícil [os falsos] porque não têm grande qualidade", pelo que é mais fácil a jornalistas os identificarem através de "bom senso".

Na opinião do especialista, a comunicação social tem de ser responsável e atenta na forma como trata este tipo de informação.

Recentemente no Reino Unido o líder do Partido Trabalhista, Keir Starmer, e o presidente da Câmara Municipal de Londres, foram vítimas de áudios falsificados por Inteligência Artificial (IA). 

No segundo caso, foi o próprio secretário de Estado da Administração Interna, Tom Tugendhat, que alertou para a situação e pediu nas redes sociais para que as pessoas e a comunicação social não os difundissem.

"Pessoas hostis vão tentar interferir nas nossas eleições, mas não significa que sejamos impotentes", afirmou Martin.

"Podemos confiar em organizações de comunicação social responsáveis, o que penso que tem sido preservado e mantido, e no consenso político, quando as pessoas dizem que vão tratar falsificações como um ataque à democracia", vincou.

Leia Também: Mark Zuckerberg está a planear 'tour' na Coreia do Sul

Recomendados para si

;

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório