Meteorologia

  • 24 JUNHO 2021
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 32º

Edição

Dia Mundial da Palavra-passe. Sabe como proteger-se?

Siga estas dicas para ter uma palavra-passe que lhe garanta mais segurança.

Dia Mundial da Palavra-passe. Sabe como proteger-se?

Assinala-se hoje, dia 6 de maio, o Dia Mundial da Palavra-Passe. Sendo que este é o principal meio para assegurar a proteção de dados e de contas pessoais, importa saber o que pode fazer para garantir que está a fazer uma escolha certa.

Por esse motivo, a Check Point Software relembra a importância de definir palavras-passe robustas e variadas, e deixa-lhe um alerta para as principais formas de ataque utilizadas para roubar estas credenciais de acesso.

Numa altura em que o teletrabalho aumentou o uso da plataformas online nas residências pessoais, este dia ganha mais importância, considera a empresa, cujo principal conselho que dá é nunca pensar que um criminoso não tem interesse nos seus dados.

A par disso, a Check Point Software lembra-lhe as três principais formas de Ora atente:

  • Ataques de phishing: Tornou-se uma metodologia amplamente utilizada para roubar palavras-passe e nomes de utilizador, que opera com recurso, pro exemplo, a um e-mail que parece provir de uma fonte confiável (como um banco ou uma marca de energia) mas que é, na realidade, uma forma de manipular o destinatário e roubar informação confidencial. Como proteger-se? Utilizar autenticação de duplo fator. Esta camada extra de segurança obriga o utilizador a inserir uma segunda palavra-passe que é, por norma, recebida via SMS. Assim, o acesso a uma conta é prevenido, mesmo que o cibercriminoso tenha as credenciais de acesso. 

  • Hacking de dicionário ou de força bruta: Este tipo de ciberataque tem como método tentar decifrar uma palavra-passe através da tentativa e erro. Os cibercriminosos tentam combinações diferentes de forma aleatória, combinando nomes, letras e números até chegarem ao padrão correto. Como impedi-los? Procure ter palavras-passe complexas. Para tal, deixe de parte os nomes, datas ou combinações comuns. Crie uma palavra-passe de pelo menos 8 caracteres que agregue letras, maiúsculas e minúsculas, números e símbolos. 
     
  • Keyloggers: Estes programas conseguem gravar qualquer clique feito nas teclas do computador e, até, o que o utilizador vê no ecrã, podendo depois enviar a informação retida (incluindo palavras-passe) para um servidor externo. Estes ciberataques são, por norma, parte de um qualquer malware que a pessoa tenha já no computador. O que fazer? O pior aspeto destes ciberataques tem a ver com a prática comum de utilizar a mesma palavra-passe para várias contas diferentes, o que significa que, acedendo a uma palavra-passe, o cibercriminoso poderá entrar em várias contas. Para evitar que isto aconteça, é crucial ter uma senha de acesso individual para cada plataforma.

Para  Rui Duro, country manager da Check Point Portugal, uma boa palavra-passe pode ser meio caminho andado para garantir a sua segurança. “Tanto o phishing como os keyloggers são ataques utilizados em centenas de dispositivos. O risco de ser a próxima vítima pode ser facilmente remediado através da configuração de combinações robustas e variadas de pelo menos 8 caracteres intercalados com letras, símbolos e sinais de pontuação. Se assim for, os cibercriminosos terão muito mais dificuldades em obter as credenciais de acesso e estará garantida a segurança dos nossos computadores”, afirma, em comunicado enviado ao Notícias ao Minuto.

Se não está certo de que a sua palavra passe lhe garante esta segurança siga os conselhos acima e aproveite o dia que amanhã se assinala para fazer as alterações necessárias.

Leia Também: Tenha internet mais rápida em casa com estes truques

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório