Meteorologia

  • 23 JULHO 2024
Tempo
35º
MIN 23º MÁX 38º

Viagens no Meu Distrito: Em Évora, temp(L)o é da CDU mas PS ameaça voltar

Em Évora, a luta tem sido renhida entre comunistas e socialistas, sendo a atual autarquia liderada pela tradicional coligação PCP/PEV (CDU). Conseguirá Elsa Teigão recuperar para o PS a cidade?

Notícias ao Minuto

08:45 - 29/08/17 por Melissa Lopes

Política Autárquicas

No distrito de Évora, com 14 concelhos, a CDU lidera em seis municípios (Alandroal, Arraiolos, Évora, Montemor-o-Novo, Mora e Vila Viçosa), o PS em cinco (Mourão, Portel, Reguengos de Monsaraz, Vendas Novas e Viana do Alentejo) e os outros três (Borba, Estremoz e Redondo) são presididos por movimentos independentes.

Carlos Pinto de Sá, da CDU, é o atual presidente da Câmara Municipal de Évora, derrubando o Partido Socialista nas eleições autárquicas de 2013.

Nesse ano, 38,5% dos eborenses confiaram na coligação PCP/PEV para liderar os destinos da cidade do Templo de Diana. O PS não ficou significativamente abaixo, reunindo 33,25% dos votos, numa eleição cuja abstenção foi de 41,95% (ou seja, 60.361 dos 143.873 eleitores não usaram o direito de voto). 

Carlos Pinto de Sá é novamente candidato e tem João Oliveira, deputado comunista e líder da bancada parlamentar do PCP, como mandatário da sua campanha. 

Para as eleições de 1 de outubro, o PS apostou em Elsa Teigão, militante do PS desde 2006, para desafiar Carlos Pinto Sá e recuperar a cidade para as 'mãos' socialistas. Elsa Teigão começou a ganhar maior protagonismo no partido quando decidiu concorrer à presidência da concelhia de Évora, em 2013, vencendo a eleição para o órgão partidário. Nunca tinha tido qualquer experiência autárquica, mas, desde que preside à concelhia do PS, passou a participar, com frequência, nas reuniões da assembleia municipal, em substituição de um dos eleitos do partido.

Maria Helena Figueiredo, de 62 anos, é a candidata do Bloco de Esquerda (BE). Fez os estudos secundários no Liceu Nacional de Évora e é licenciada em Direito pela Universidade de Lisboa. É também dirigente nacional do partido. Em 2013, o BE reuniu apenas 991 votos em Évora.

Concorrem ainda à Câmara de Évora, pelo CDS, Pedro d’Orey Manoel, cujo lema é ´Afirmar Évora’, e pelo PSD o deputado António Costa da Silva com 'Évora é agora' como mote. André Sapage, pelo PAN, também entra na corrida autárquica, sendo a primeira vez que o partido de André Silva concorre a este munícipio. Sapage tem 32 anos e é massagista. No Facebook, descreve-se como "massagista das almas". 

Veja, na galeria acima, os rostos dos candidatos dos vários partidos. 

Recomendados para si

;
Campo obrigatório