Meteorologia

  • 06 JUNHO 2020
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 25º

Edição

PS insiste na reposição de feriados e coadoção. BE volta-se para o aborto

Reposição dos feriados e coadoção por casais do mesmo sexo são as pretensões do PS. Bloco quer reverter as taxas moderadoras no aborto.

PS insiste na reposição de feriados e coadoção. BE volta-se para o aborto

O Partido Socialista marcou o início da legislatura com a entrega, na Assembleia da República, de três projetos de lei relativos a promessas feitas em período eleitoral.

As iniciativas do partido liderado por António Costa, datadas da passada sexta-feira, incidem sobre a reposição dos feriados de 5 de outubro e 1 de dezembro, a coadoção por casais do mesmo sexo e o alargamento dos beneficiários das técnicas de Procriação Medicamente Assistida.

Segundo o Diário Económico, também o Bloco de Esquerda apresentou um projeto de lei, este invocando a reversão das taxas moderadoras no aborto.

O diploma que incide sobre a recente alteração à lei da Interrupção Voluntária da Gravidez colhe consentimento junto do Partido Comunista e do PS, pelo que a sua aprovação é desde já dada como garantida.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório