Meteorologia

  • 15 OUTUBRO 2018
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 20º

Edição

Saída de Marques Vidal? "Não entendo, tantos elogios e depois foi embora"

Na opinião de Joaquim Jorge, a procuradora Joana Marques Vidal está de saída “porque foi nomeada pelo PSD” e o PS quer mostrar "quem é que manda agora".

Saída de Marques Vidal? "Não entendo, tantos elogios e depois foi embora"
Notícias ao Minuto

12:47 - 26/09/18 por Natacha Nunes Costa 

Política Joaquim Jorge

O fundador do Clube dos Pensadores acusa o Governo e o Presidente da República de terem dado “desculpas esfarrapadas” para não reconduzir Joana Marques Vidal no cargo de procuradora-geral da República.

Para o também biólogo, tanto António Costa como Marcelo Rebelo de Sousa “escusaram-se na Constituição” para substituir Marques Vidal por Lucília Gago, que, atualmente, é procuradora-geral-adjunta.

“Nunca vi algo semelhante, dizer-se tão bem de uma pessoa com rasgos elogios e mandá-la embora com desculpas esfarrapadas e escudando-se na Constituição”, afirma relembrando que nada impedia que Marques Vidal fizesse outro mandato, visto que, Cunha Rodrigues tomou posse em 1984 e ficou até 2000. Algo que, segundo Joaquim Jorge, deixou os portugueses desconfiados.

“Não entendo nada disto, tantos elogios e depois foi embora. Uma situação embaraçosa e melindrosa, quiseram sair airosamente e protegidos na sua interpretação (do Governo) da Constituição, mas a opinião pública ficou desconfiada e está atenta”, garante num artigo a que o Notícias ao Minuto teve acesso.

Para Joaquim Jorge era importante que Joana Marques Vidal acabasse o que iniciou e isso não aconteceu, segundo o fundador do Clube dos Pensadores, “porque foi nomeada pelo PSD” e o PS quer mostrar "quem é que manda agora".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório