Meteorologia

  • 20 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Funcionários filmados a deitar lixo na mata após incêndio. Câmara lamenta

Moradora filmou o momento na freguesia da Malveira, em Mafra, e fez a denúncia. Câmara Municipal de Mafra já respondeu, lamentando a situação.

Funcionários filmados a deitar lixo na mata após incêndio. Câmara lamenta
Notícias ao Minuto

19:33 - 19/10/17 por Anabela de Sousa Dantas

País Mafra

Uma moradora da freguesia da Malveira, na vila de Mafra, testemunhou esta segunda-feira o momento em que dois funcionários da Junta de Freguesia despejaram lixo para uma mata em frente à escola da sua filha. Filmou o sucedido, fez queixa junto das autoridades competentes e, na ausência de resposta imediata, recorreu às redes sociais para fazer a denúncia.

“(…) Depois de supostamente terem limpo as ruas, despejaram uma carrinha cheia de lixo num mato, perto de escolas e casas. E pergunto: É esta a limpeza das matas que a nossa Proteção Civil fala??? Estes senhores trabalham para a Câmara e fazem isto”, escreveu a queixosa, na legenda do vídeo.

Recorde-se que o último domingo (dia 15) foi pior dia de fogos do ano segundo as autoridades, provocando 43 mortos e cerca de 70 feridos, mais de uma dezena dos quais graves.

O vídeo partilhado por Mariana Gomes tem, nesta altura, mais de 500 mil visualizações, quase 18 mil partilhas e centenas de comentários, referindo-se estes a um comportamento irresponsável face às tragédias vividas em Portugal este ano por causa de incêndios.

Mariana Gomes explica que se dirigiu pessoalmente à Junta de Freguesia e que foi recebida com indiferença: “Encolheu os ombros como que ‘ahh não é assim tão mau, estás a ser um bocado histérica’”. “Fiquei para morrer, não queria acreditar no que estava a ouvir”, acrescentou.

O Notícias ao Minuto tentou, esta quinta-feira, mas sem sucesso, entrar em contacto com a Junta de Freguesia da Malveira e a Câmara Municipal de Mafra, para obter uma reação. No entanto, Mariana Gomes enviou ao Notícias ao Minuto a resposta que recebeu da Câmara Municipal de Mafra, que terá sido também enviada a outros queixosos.

“Desde já agradecendo a comunicação efetuada por V. Exa, informa-se que esta Câmara Municipal averiguou que a situação, que muito se lamenta, foi causada por trabalhadores da União das Freguesias de Malveira e São Miguel de Alcainça que, ao invés de procederem à deposição dos resíduos no Ecocentro da Abrunheira, os colocaram indevidamente neste local. A referida União das Freguesias já mandou proceder à retirada destes resíduos”.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório