Vendas Novas: Suspeito de dupla tentativa de homicídio fica em preventiva

O Tribunal de Montemor-o-Novo decretou hoje a prisão preventiva do homem suspeito da dupla tentativa de homicídio na segunda-feira, em Vendas Novas, e que se pôs em fuga a seguir, disse à Lusa fonte da GNR.

© iStock
País Justiça

Segundo a mesma fonte, o suspeito, de 60 anos, que se entregou na segunda-feira, cerca das 22:00, no posto da GNR de Alcochete, vai ficar em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa, no Estabelecimento Prisional do Montijo.

PUB

O homem é suspeito de ter agredido com uma marreta a ex-mulher e a advogada desta num cartório em Vendas Novas, distrito de Évora, tendo ambas ficado feridas com gravidade e sido transportadas para as urgências do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), adiantou a fonte da força de segurança.

As duas mulheres, de acordo com a fonte da GNR, foram assistidas no hospital de Évora e transferidas, posteriormente, para os hospitais da sua área de residência, a ex-mulher do suspeito, de 57 anos, para o hospital de Portimão, e a advogada, de 60 anos, para o Hospital de São Bernardo, em Setúbal.

A investigação da ocorrência passou para a alçada da Polícia Judiciária, de acordo com a mesma fonte.

A dupla tentativa de homicídio ocorreu cerca das 16:40 de segunda-feira, quando um casal, acompanhado pela advogada da mulher, se encontrava num cartório da cidade de Vendas Novas para oficializar o divórcio, adiantou a fonte da força de segurança.

Na fase em que tratavam das partilhas, e por desacordo, o homem "descontrolou-se" e, com uma marreta que transportava numa mala, agrediu a ex-mulher na cabeça e no corpo, relatou a fonte.

Depois, ao "intervir para defender a sua cliente", segundo a GNR, a advogada também foi agredida na cabeça com a marreta, tendo o homem fugido.

A GNR, após o agressor se ter posto em fuga, desenvolveu diligências para o encontrar.

De acordo com o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora, o alerta para a tentativa de duplo homicídio foi dado às 16:41 de segunda-feira, tendo sido mobilizados os Bombeiros de Vendas Novas, GNR e a viatura médica de emergência e reanimação (VMER) de Évora, num total de nove operacionais, apoiados por cinco veículos.

 

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS