Meteorologia

  • 22 JULHO 2019
Tempo
28º
MIN 22º MÁX 34º

Edição

PJ apanhou líder do SIS a 'eliminar' escutas de suspeito dos vistos gold

Ação de vigilância da Polícia Judiciária apanhou o líder do SIS (Serviço de Informação e Segurança) com mais dois funcionários a tentar ‘eliminar’ escutas no gabinete de António Figueiredo, presidente do Instituto dos Registos e Notariado (IRN), ligados ao caso dos vistos gold. De acordo com o noticiado pelo Expresso, “os homens do SIS foram fazer um varrimento a pedido expresso de António Figueiredo”.

PJ apanhou líder do SIS a 'eliminar' escutas de suspeito dos vistos gold

Em maio deste ano, a Polícia Judiciária (PJ) encetava uma operação de vigilância à sede do Instituto dos Registos e Notariado (IRN), instituição da qual António Figueiredo era presidente. O responsável já tinha sido apontado pelos jornais, em março, como alvo de uma investigação.

Foi nesta altura, relata o Expresso, que os inspetores da PJ a vigiar o local deram conta de três homens que carregavam uma mala a entrar primeiro no edifício do Campus da Justiça de Lisboa e depois no gabinete de António Figueiredo.

Os indivíduos foram fotografados e, mais tarde, um deles foi identificado como sendo Horácio Pinto, diretor do SIS (Serviço de Informação e Segurança).

De acordo com o afirmado por duas fontes próximas do processo ao Expresso, Horácio Pinto tinha-se deslocado à instituição a pedido do próprio António Figueiredo, com o intuito de averiguar se o próprio se encontrava sob escuta ou com o computador monitorizado.

“Os homens do SIS foram fazer um varrimento a pedido expresso de António Figueiredo”, adiantou uma fonte. “O equipamento foi reconhecido pelos homens que faziam a investigação”, acrescentou outra fonte próxima do processo.´

Figueiredo não se encontrava sob escuta, mas não sabia que estava a ser vigiado. Foi detido esta semana,

sob suspeita de corrupção, no âmbito da Operação Labirinto que investiga a atribuição de vistos gold a cidadãos estrangeiros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório