Meteorologia

  • 22 ABRIL 2024
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 27º

Sara, portuguesa, foi salva das chamas em Valência após "2h30 no terraço"

A mulher, que vivia no prédio há cerca de um ano, revelou que ela e o seu companheiro, Amar, estiveram "à mercê dos bombeiros". O casal fez agora um GoFundMe, para ajudar os residentes do prédio.

Sara, portuguesa, foi salva das chamas em Valência após "2h30 no terraço"
Notícias ao Minuto

18:20 - 23/02/24 por Notícias ao Minuto

País Valência

O relógio batia as 17h30 em Espanha, menos uma hora em Portugal, quando um edifício de 14 andares começou a arder em Valência.

Para além das imagens das chamadas a ‘engolirem’ o edifício, outros vídeos que começaram a circular nas redes sociais marcaram a noite de quinta-feira. Entre esses vídeos, vê-se um casal que estava na varanda à espera de um resgate – era ali que estava Sara, uma portuguesa que vivia no prédio há cerca de um ano com o seu companheiro, Amar, da Bélgica.

Apesar de os dois terem sobrevivido à situação, os momentos de pânico instalaram-se – e não durante pouco tempo. “Foi uma situação emocionalmente muito pesada. Estivemos 2h30 no terraço, mas agora estamos vivos – e é isso que importa”, referiu a jovem, citada pela publicação El País.

A jovem contou que perdeu tudo e que nunca pensou que pudesse passar por uma situação assim. “Devido aos nossos trabalhos, podíamos ter vivido em qualquer do mundo, mas escolhemos Valência pela qualidade de vida. Não esperávamos que nos pudesse acontecer algo assim”, confessou.

Sara e Amar agradeceram aos bombeiros – os profissionais que os resgataram com a ajuda de gruas, enquanto tentavam controlar o fogo que os rodeava.

“Foi um momento muito stressante. Não queríamos morrer queimados, estávamos à mercê dos bombeiros”, afirmou em declarações à imprensa espanhola.

O casal, que está na cidade há pouco mais de dois anos, foi agora realojado num hotel, à semelhança de mais residentes.

O casal, que vivia no 8.º andar, fez ainda um perfil no GoFundMe, onde pede que quem possa ajudar - não só a dupla, mas todas - as famílias, "que perderam tudo numa questão de horas", o façam.

"Toda a ajuda e doações serão bem-vindas e serão distribuídas a todas as vítimas da maneira correta", garantem. A campanha já conseguiu angariar, em três horas, cerca de cinco mil euros.

O governo da Comunidade de Valência já confirmou que houve, pelo menos, nove mortos decorrentes deste incêndio.

Leia Também: "Sentidas condolências". Marcelo enviou mensagem ao rei Felipe VI

Recomendados para si

;
Campo obrigatório