Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2022
Tempo
14º
MIN 8º MÁX 16º

Caso Ornelas. "Tomei eu a iniciativa" de contactar bispo, revela Marcelo

O chefe de Estado revelou que foi devido ao envolvimento da comunicação social que se sentiu "na obrigação" de contactar o presidente da Conferência Episcopal Portuguesa.

Caso Ornelas. "Tomei eu a iniciativa" de contactar bispo, revela Marcelo

Na sequência da nota divulgada pela Presidência da República, esta terça-feira, quanto ao envio de uma denúncia por alegado encobrimento de abusos sexuais de menores, que envolve Dom José Ornelas, presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, à Procuradoria-Geral da República (PGR), Marcelo Rebelo de Sousa adiantou ter contactado o bispo por sua iniciativa, perante as "versões" apresentadas pela comunicação social.

"A nota é muito simples. Tinha havido a interpretação de que tinha havido uma iniciativa da Presidência da República, não necessariamente do Presidente da República, que teria comunicado alguém, neste caso o Dom José Ornelas, o envio para o Ministério Público (MP), antes do envio", começou por esclarecer o chefe de Estado, ao final da tarde, em declarações aos jornalistas.

O Presidente salientou que o comunicado, a que o Notícias ao Minuto teve acesso, apresenta "as datas" às quais a comunicação social teve acesso, levando ao contacto tanto de Dom José Ornelas, como da Presidência da República.

"E é só no dia 26, nos Estados Unidos da América, que falo com Dom José Ornelas, confirmando o que tinha ocorrido", reiterou.

Segundo a nota divulgada esta terça-feira, "a 24 de setembro, o Presidente da República confirmou a José Ornelas esse envio, já depois de este ter sido contactado pela comunicação social sobre o mesmo assunto".

"Tomei eu a iniciativa", revelou, justificando que, "entretanto, chegou-me uma versão, apresentada pela comunicação social, de que teria sido uma iniciativa por ser A, B, ou C. [Disse-lhe que] isto é a regra geral que se aplica e, portanto, a comunicação social diz que foi uma coisa pessoal; não foi pessoal", apontou.

Marcelo Rebelo de Sousa indicou ainda ter tomado conhecimento da suspeita de encobrimento de abusos sexuais de menores por esta ter sido "enviada para a Presidência da República, [de onde] é enviada diretamente ao Presidente, [que] ‘despachou’ para o chefe da Casa Civil, sem olhar sequer para o teor da suspeita".

Recorde-se que o MP confirmou, no sábado, dia 1 de outubro, estar a investigar o bispo Dom José Ornelas por alegado encobrimento de abusos sexuais, revelando que já houve uma investigação com possíveis ligações a este caso, em 2011.

De notar que o responsável assumiu que foram abafados casos de abusos sexuais de menores na Igreja Católica, em entrevista à CNN, na segunda-feira.

[Notícia atualizada às 19h54]

Leia Também: Caso Ornelas. Marcelo esclarece que enviou denúncia à PGR a 6 de setembro

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório