Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2021
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Relação Berlim-Lisboa é "sólida" e próspera de oportunidades

O embaixador da Alemanha em Portugal classifica a relação Berlim-Lisboa como sólida e próspera de oportunidades, afirmando que o futuro governo alemão, que sairá das eleições do próximo domingo, manterá os "interesses comuns" que unem os dois países.

Relação Berlim-Lisboa é "sólida" e próspera de oportunidades
Notícias ao Minuto

06:36 - 24/09/21 por Lusa

País Alemanha

"As nossas relações [bilaterais] são sólidas e repletas de oportunidades", afirmou o representante diplomático germânico em Lisboa, Martin Ney, em declarações à agência Lusa, em plena contagem decrescente para as eleições federais na Alemanha, escrutínio que irá determinar o sucessor da chanceler Angela Merkel, no poder há 16 anos, e que irá abrir um novo ciclo político neste país do centro da Europa.

Um dos aspetos evidenciados por Martin Ney é a vertente económica e comercial, uma das "partes mais tangíveis" da relação entre Berlim e Lisboa, com o representante a destacar o facto de existirem atualmente 500 empresas alemãs a fazerem negócios em Portugal, proporcionando, segundo frisou, mais de 50.000 postos de trabalho e com perspetivas futuras de expansão.

Embaixador na capital portuguesa desde julho de 2019, Martin Ney prefere não fazer neste momento antevisões sobre o potencial impacto, nomeadamente ao nível da economia alemã (a maior da zona euro), da nova liderança germânica que surgirá após 26 de setembro, mas a propósito da relação bilateral estabelecida entre Portugal e Alemanha - países parceiros na União Europeia (UE), o representante diplomático consegue estabelecer um horizonte.

"Não só temos interesses comuns na Europa, interesses comuns bilaterais, fortes laços económicos, como também temos dois projetos concretos em preparação. Como tal, as relações bilaterais também irão desenvolver-se com o próximo governo", assegurou.

Um desses projetos concretos é a Hannover Messe 2022, a maior feira mundial da indústria.

"Portugal será o país parceiro da Hannover Messe 2022 e o próximo chanceler da Alemanha e o primeiro-ministro português, António Costa, irão inaugurar juntos o evento em abril", referiu Martin Ney.

E acrescentou: "Trata-se de uma enorme montra para a indústria portuguesa a nível mundial, mas também para formar novas parcerias, numa altura em que estamos a assegurar os laços económicos dentro da Europa".

O outro projeto em andamento é no campo da cultura portuguesa, com Portugal a ser o país convidado da Feira do Livro de Leipzig, agendada igualmente para 2022.

Leia Também: Alemanha. "Partidos que conseguem formar governo são europeus convictos"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório