Meteorologia

  • 18 OUTUBRO 2021
Tempo
28º
MIN 16º MÁX 28º

Edição

Iniciada remoção de 8 mil metros quadrados de amianto em bairro de Monção

A Câmara de Monção informou hoje ter iniciado a remoção de 8.239,41 metros quadrados de placas de fibrocimento em 70 casas do bairro social da Imaculada Conceição, obra orçada em 400 mil euros.

Iniciada remoção de 8 mil metros quadrados de amianto em bairro de Monção
Notícias ao Minuto

17:39 - 05/05/21 por Lusa

País Amianto

Em nota hoje enviada à imprensa, a autarquia do distrito de Viana do Castelo adiantou que a intervenção foi iniciada na segunda-feira e prevê, além da "substituição de 8.239,41 metros quadrados de chapas de fibrocimento, a instalação de caleiros de recolha e encaminhamento de águas".

O bairro da Imaculada Conceição, no lugar de Monte Redondo, União de Freguesias de Monção e Troviscoso, é propriedade do município, envolvendo um total de 70 habitações.

A empreitada agora iniciada pretende "melhorar a eficiência energética e a durabilidade do material".

"O novo revestimento a instalar em todas as habitações será feito em painéis 'sandwich', imitação de telha, com dupla face metálica, de chapa standard de alumínio e isolante de poliuretano. Em fases posteriores, a requalificação do bairro da Imaculada Conceição terá continuidade com a valorização do pavimento existente, melhoramento dos espaços verdes, reboco e pintura dos muros de entrada nas habitações e reorganização da circulação e estacionamento automóvel".

Para o presidente da Câmara, António Barbosa, citado na nota, a intervenção enquadra-se num "plano municipal mais abrangente de requalificação das habitações sociais", cujo objetivo consiste "na criação de condições efetivas ao nível da habitabilidade, segurança e conforto dos residentes".

Além do bairro da Imaculada Conceição, construído em casas prefabricadas em meados da década de 70, a Câmara de Monção "está a proceder à remoção de placas de fibrocimento nos estabelecimentos escolares do concelho, cumprindo o quadro legislativo em vigor e a Carta Educativa".

Leia Também: Governo não quer condicionar já discussão sobre o OE2022

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório