Meteorologia

  • 26 FEVEREIRO 2024
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 14º

Antigo edifício do Orfeão de Viseu começou a ser reabilitado

As obras de reabilitação e ampliação do antigo edifício do Orfeão de Viseu, que representam um investimento superior a 1,2 milhões de euros, já arrancaram e deverão ficar concluídas dentro de ano e meio, segundo a autarquia.

Antigo edifício do Orfeão de Viseu começou a ser reabilitado
Notícias ao Minuto

07:32 - 24/03/21 por Lusa

País Reabilitação

"A configuração do edifício, tal como hoje se apresenta, terá sido concluída entre 1901 e 1921, o que eleva para mais de um século a idade da estrutura", refere a Câmara de Viseu, ao justificar a importância desta intervenção, que abrangerá o exterior e o interior do edifício.

A autarquia pretende "devolver o edifício aos viseenses e instalar uma nova âncora para a revitalização do centro histórico", ao vocacioná-lo para atividades pedagógicas no âmbito do programa Viseu Educa.

"Este projeto será essencialmente desenvolvido na área de ampliação posterior, onde funcionará a Universidade Sénior de Rotary Club de Viseu, bem como o apoio pedagógico a jovens de famílias carenciadas, com o intuito de proporcionar condições mais favoráveis ao seu sucesso escolar", explica.

O município pretende também "recuperar a atividade cultural inerente ao uso dos salões existentes e que serão reabilitados com a preservação das suas características originais".

A vice-presidente da Câmara de Viseu, Conceição Azevedo, lembra que "esta é uma obra há muito desejada pelo significado que tem para todos os viseenses".

"Vamos devolver à comunidade aquele que é um dos edifícios mais emblemáticos do centro histórico e um exemplar inigualável do nosso património histórico e arquitetónico", sublinha.

Segundo a autarquia, a empreitada vai respeitar a "identidade, memória e traça original do edifício, mantendo elementos distintivos, como a cobertura, o conjunto de azulejos, as escadarias, os tetos, o lanternim e os salões".

O facto de o município ter decidido fazer uma obra de grande envergadura no local motivou, "desde o início, a realização de sondagens de diagnóstico arquitetónico e sondagens arqueológicas de diagnóstico de cota negativa".

"O decorrer dos trabalhos permitiu identificar e preservar vestígios de casas dos inícios do século XX, para além de uma lápide com inscrição romana", refere a autarquia, acrescentando que "a obra continuará a ser acompanhada por uma equipa de arqueólogos e pela Direção-Geral do Património Cultural".

A origem do edifício do antigo Orfeão de Viseu está ligada à Sociedade de Recreio Protetora do Montepio Viseense.

Leia Também: Antigo edifício do Diário de Notícias é apresentado ao PNRU

Recomendados para si

;
Campo obrigatório