Meteorologia

  • 19 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 4º MÁX 14º

Edição

Aulas suspensas e estradas cortadas. O que 'Dora' trouxe esta manhã

Portugal Continental será afetado até sábado por vento forte, precipitação, neve, agitação marítima e descida da temperatura associadas à passagem da depressão Dora. Proteção Civil já registou 44 ocorrências, a maioria devido à queda de neve e árvores. Distritos de Viseu, Vila Real e Leiria são os mais afetados.

Aulas suspensas e estradas cortadas. O que 'Dora' trouxe esta manhã

Vento, chuva e neve, uma promessa de mau tempo aquando da passagem da depressão Dora que já tinha sido anunciada pelo IPMA e espoletado alertas da Proteção Civil e Autoridade Marítima.

Em Montalegre, já durante esta sexta-feira, as aulas foram suspensas  devido à queda de neve, deixando em casa cerca de 700 alunos, enquanto os meios da Proteção Civil estão no terreno em operações de limpeza das estradas, segundo fonte da autarquia.

Foram também registadas 44 ocorrências relacionadas com a queda de árvores e neve, entre as 00h e as 9h. Em declarações à agência Lusa, Carlos Pereira, da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), adiantou que as ocorrências relacionadas com a queda de neve foram registadas nos distritos de Viseu e Vila Real e as 23 quedas de árvores por causa do vento em Viseu, Vila Real e Leiria. 

Ainda segundo Carlos Pereira, as estradas de acesso ao maciço central da Serra da Estrela foram encerradas devido à queda de neve. A circulação está proibida nos troços Piornos/Cruzamento da Torre, Cruzamento da Torre/Torre e Cruzamento da Torre/Lagoa Comprida, Lagoa Comprida/Sabugueiro, Sabugueiro/Cruzamento de Gouveia/Penhas Douradas/Manteigas e Manteigas Covilhã, não havendo previsões quanto à reabertura.

Também as Estradas Nacionais (EN) 2 e 321 encontram-se cortadas devido à queda de neve registada na madrugada de hoje no norte do distrito de Viseu, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro.

A ANEPC está ainda preocupada com a previsão de agitação marítima forte, que levou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) a emitir aviso vermelho para Lisboa e Leiria e que deverá ocorrer um aumento da intensidade do vento, precipitação, a descida da temperatura e o aumento da agitação marítima na costa ocidental. Estes dois distritos vão estar sob aviso vermelho, o mais grave de uma escala de quatro, entre as 12h e as 21h de hoje.

Por causa da agitação marítima forte, o IPMA colocou também a costa dos distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Setúbal, Beja e Faro, o norte da Madeira e Porto Santo sob aviso laranja até às 00h de domingo. E aviso amarelo para os distritos de Braga, Vila Real, Viana do Castelo, Porto, Bragança, Viseu, Guarda, Castelo Branco devido à queda de neve acima de 1.400/1.600 metros, descendo gradualmente a cota para 700/900 metros, até às 6h de domingo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório