Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2020
Tempo
MIN 5º MÁX 13º

Edição

Presidente esteve com ministro "antes de este estar na fase infecciosa"

A diretora-geral da Saúde esclareceu hoje que o Presidente da República esteve num evento com o ministro da Ciência, infetado com covid-19, mas antes de este estar na fase infecciosa, razão pela qual não foi considerado para rastreio.

Presidente esteve com ministro "antes de este estar na fase infecciosa"
Notícias ao Minuto

15:42 - 12/10/20 por Lusa

País DGS

"Sua excelência o Presidente da República esteve em contacto no mesmo evento que se chamou `Construir o futuro de Portugal - Um compromisso social´, mas este ocorreu antes do senhor ministro Manuel Heitor estar na fase infecciosa, motivo pelo qual sua excelência o senhor Presidente da República não foi considerado para efeitos de rastreio nesta situação", explicou Graça Freitas, na conferência de imprensa de atualização de informação sobre a pandemia em Portugal.

Graça Freitas sublinhou que há um protocolo que é seguido e que permite encontrar o período de transmissão e, depois, estratificar contactos de alto e baixo risco, fazer os testes e determinar se ficam ou não em isolamento profilático.

O primeiro-ministro e todos os membros do Governo que foram testados no domingo tiveram resultados negativos à covid-19, segundo comunicado do gabinete de imprensa do António Costa.

No domingo, o ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, informou que está infetado com covid-19.

"Durante a manhã [de hoje] serão ainda testados o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros e o ministro do Ambiente e Ação Climática, que se mantêm isolados até conhecerem os resultados", adianta o comunicado.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e setenta e sete mil mortos e mais de 37,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.094 pessoas dos 87.913 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório