Meteorologia

  • 05 JULHO 2020
Tempo
22º
MIN 19º MÁX 37º

Edição

Há cinco erros frequentes ao utilizar máscara. Faz algum deles?

A Direção-Geral da Saúde revela quais são e recorda que "a utilização da máscara deve ser feita em segurança".

Há cinco erros frequentes ao utilizar máscara. Faz algum deles?

A Direção-Geral da Saúde (DGS) revela, esta segunda-feira nas redes sociais, quais os cinco erros mais comuns que podemos cometer quando usamos uma máscara.

DGS recorda que "para que a máscara tenha o seu efeito deve colocá-la correctamente" e, para tal, mostra como deve fazê-lo.

Há cinco erros que precisa de ter em atenção de forma a estar protegido quando usa um destes equipamentos de proteção

  • Utilizar abaixo do nariz; 
  • Cobrir apenas a ponta do nariz; 
  • Deixar o queixo exposto; 
  • Utilizar debaixo do queixo; 
  • Utilizar com espaços laterais. 

A DGS afirma que "o uso adequado das máscaras é uma medida chave para a sua eficácia e segurança" e que tem de se certificar de que esta "cobre completamente o seu rosto, desde a ponta do nariz até ao queixo". 

A autoridade acrescenta que deve usar máscaras cirúrgicas ou, em alternativa, uma máscara comunitária certificada: "Se as máscaras forem reutilizáveis, consulte as indicações do fabricante para saber como as deve lavar e desinfetar". 

Recorde-se que Portugal regista, esta segunda-feira, um total de 32.700 casos de infeção (mais 200, um aumento de 0,8% em relação às últimas 24 horas) e 1.424 mortes (mais 14, uma variação de 0,99% em comparação com este domingo). De referir que no boletim desta segunda-feira, divulgada pela Direção-Geral de Saúde (DGS), há mais um óbito reportado na faixa etária dos 40-49 anos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório