Meteorologia

  • 19 MAIO 2022
Tempo
29º
MIN 14º MÁX 30º

Pelo menos mais um infetado entre os passageiros do voo oriundo de Timor

As autoridades de saúde registaram pelo menos mais um caso de infeção por covid-19 entre os passageiros do voo de repatriamento oriundo de Timor-Leste no dia 04 e admitiram atrasos na notificação dos passageiros e respetivos contactos próximos.

Pelo menos mais um infetado entre os passageiros do voo oriundo de Timor
Notícias ao Minuto

11:26 - 30/04/20 por Lusa

País Covid-19

Fonte da saúde pública da área de Lisboa e Vale do Tejo disse hoje à agência Lusa que surgiu pelo menos mais um novo caso de infeção.

Questionada pela Lusa sobre o número total de casos de infeção entre os passageiros desse voo e dos contactos em vigilância relacionados, a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARLVT), responsável pela sanidade internacional no Aeroporto de Lisboa, remeteu para a Direção-Geral da Saúde (DGS) que, por sua vez, não respondeu até esta altura.

O primeiro caso de infeção confirmado surgiu no dia 14, no mesmo dia em que a DGS informou que todos os passageiros estavam a ser notificados.

"Todos são considerados contactos de risco, pois o voo (com duração de 24 horas) não tinha lugares marcados, a doente não sabe dizer em que lugar viajou e a maioria das pessoas acabou por interagir entre si", alertou a responsável da sanidade internacional do Aeroporto de Lisboa, Maria João Martins, num email com a lista dos passageiros enviado no dia 15 à Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, a que a Lusa teve acesso.

No entanto, só no dia 20 é que a ARSLVT, que tutela a sanidade internacional no Aeroporto de Lisboa, enviou a lista de passageiros às outras ARS, cujas regiões foram destino dos passageiros, de acordo com emails a que a agência Lusa teve acesso.

Dentro de Lisboa e Vale do Tejo, a listagem dos passageiros só chegou no dia 23 aos delegados de saúde para serem iniciadas as notificações dos passageiros e respetivos contactos de vigilância.

Confrontado pela Lusa, o coordenador da saúde pública na ARSLVT, Mário Durval, explicou hoje que a lista de passageiros continha apenas o nome e o contacto telefónico e foi necessário identificar as moradas de cada um em Portugal, tarefa que "demorou dois dias".

O responsável, que disse desconhecer a existência de mais casos além do primeiro que surgiu no dia 14, assim como de quantos contactos estão em vigilância relacionados com os passageiros desse voo, admitiu que a lista, já com as moradas, "podia ter chegado nos dias 18 ou 19".

Mário Durval reconheceu que os "processos por vezes atrasam".

No entanto, coordenador da saúde pública na ARSLVT desvalorizou o atraso, considerando que "não houve mais infeções", que "mesmo que houvesse mais infeções [entre os passageiros] os sintomas demoravam dias a aparecer", que "a doença não tem tratamento" e que "não é por isso que a epidemia não está controlada".

O voo de repatriamento trouxe 207 portugueses e outros quatro europeus.

Timor-Leste regista 24 casos de infeção confirmados, mas apenas 12 estão ativos e os restantes são considerados recuperados, disse hoje Sérgio Lobo, porta-voz do Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC) daquele país.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 224 mil mortos e infetou cerca de 3,2 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Cerca de 890 mil doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 973 pessoas das 24.505 confirmadas como infetadas, e há 1.470 casos recuperados, de acordo com a DGS.

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório